Escolha uma Página
Qual a Melhor Desmontadora de Pneus?

Qual a Melhor Desmontadora de Pneus?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

A melhor Desmontadora de Pneus

desmontadora de pneus 2e4rodas testada

A melhor Desmontadora de Pneus é aquela que possui a força necessário para o tamanho e peso do pneu que será desmontado.

Sendo assim existe uma desmontadora para cada categoria de Roda e de Pneu, o que devemos observar é se o equipamento que estamos adquirindo possui a força e robustez para fazer o serviço.

desmontadora e Montadora de pneus AF 440
Desmontadora e Montadora de pneus DEQ440
Desmontadora e Montadora de pneus, mandril mecânico de 4 garras, Sistema de mandril possibilita trabalhar no sentido horário e anti-horário, Sistema de fixação de rodas interno e externo, Descolador de talão lateral, Ideal para rodas esportivas de liga-leve, Aceita instalação de braço auxiliar
desmontadora Montadora de pneus AF430
Desmontadora Montadora de pneus DEQ430
Desmontadora Montadora de pneus, Mandril mecânico de 4 garras, Trabalha com rodas de automóveis, caminhonetes, pequenos caminhões e motocicletas, dispensando o uso de acessórios vendidos separadamente
Montadora e desmontadora de pneus AF230F
Desmontadora e Montadora de pneus DEQ230F
desmontadora e Montadora de pneus, Mandril mecânico de 4 garras, Trabalha com rodas de automóveis, caminhonetes e motocicletas, dispensando o uso de acessórios vendidos separadamente, Descolador de talão sobre a mes, Melhor custo x benefício do mercado,
desmontadora de pneus de moto manual DPM
Desmontadora de Pneus de Moto Manual DPM
A desmontadora de roda de moto manual DPM possui: Funcionamento Manual Atende do aro “8” a “21” Centragem Manual através do sistema de 3 garras Pode ser utilizada em rodas de aço e liga leve Desenvolvida para desmontar e montar pneus de motos com maior facilidade. Desenvolvida para desmontar e montar pneus de motos com
desmontadora de pneus DEQ01TC
Desmontadora de Pneus 2e4 Rodas – DEQ01TC
A Montadora e Desmontadora de Pneus é uma máquina modelo pneumática, o sistema de abrir e fechar as garras para prender a roda é através de
desmontadora de pneus elétrica DPE
Desmontadora de Pneu de Moto Elétrica – DPE
A desmontadora elétrica de pneus DPE se destaca pela eficiência, simplicidade e rapidez. Permitindo ao operador, efetuar o serviço completo
desmontadora pneumática vermelha MR 303
Desmontadora Pneumática de Pneus DEQ 303
Desmontadora de Pneus DEQ 303, monofásica. Bloqueio máximo interno 14″ a 26″; Bloqueio máximo externo 12″ a 24″; Pressão trabalho 8 a 10 bar;
desmontadora de pneus pneumática vermelha MR 309 2e4rodas
Desmontadora de Pneus DEQ 309
Desmontadora de pneus DEQ 309 é monofásica. Descrição do produto: Bloqueio máximo interno 14″ a 26″; Bloqueio máximo externo 12″ a 24″;
desmontadora pneumática DPPI
Desmontadora de Pneus Pneumática – DPPI
A desmontadora de pneus pneumática DPPI foi desenvolvido para desmontar e montar rodas de aço e liga leve. Trava e destrava por sistema de 4 garras pneumáticas acionadas por pedais, atendendo aros de 12” a 22” para auto e motos. Motor elétrico trifásico de 1 CV (220 e 380 volts) ou monofásico de 1 CV (110 e 220 volts).
desmontadora pneumática vermelha MR 303
Desmontadora Pneumática de Pneus DEQ 303
Desmontadora de Pneus DEQ 303, monofásica. Bloqueio máximo interno 14″ a 26″; Bloqueio máximo externo 12″ a 24″; Pressão trabalho 8 a 10 bar;
COMPRE pelo Whatsapp

Máquina Desmontar Pneus de Caminhão:

desmontadora de pneus para motos, extra pneus r13, olx maquina de desmontar pneus, desmontadora de pneus usadas, maquina de desmontar pneu de moto manual, maquina de desembeiçar pneu, maquina de tirar pneu de caminhão, mercado extra pneus, maquina de trocar pneu de moto, maquina para desmontar pneu de moto, maquina para montar pneus, maquina de tirar pneu manual, maquina tirar pneu moto, maquina para desmontar pneus de caminhão, pneuzago,

maquina desmontar pneus olx, montadora de pneus manual, desmontadora de pneus bosch, big pneus, maquina de pneu de moto, desmontadora de pneus moto, maquina para tirar pneu de moto, maquina descolar pneu, manutenção de maquina desmontadora de pneus, maquina de desmontar pneus olx, condor pneus, desmontadora de pneus de moto pneumatica, maquina desmontar pneu moto manual, desmontadora de pneus de caminhao usadas, desmontadora de pneus manual para motos, pneus pirelli df,

Desmontadora Pneus Motos:

pneu firestone é bom, maquina de soltar pneu, mundo dos pneus, maquina desmontar pneu caminhao, pneu fusca, maquina de desenbeiçar pneu, desembeiçadeira de pneu, pneu goodyear, maquina tirar pneu moto manual, pneus pirelli recife, maquinas desmontar pneus ribeiro, balanceadora de rodas bosch, desmontadora de pneus ribeiro mr1201, desmontadora e montadora de pneus manual, desmontador de pneu manual, maquina de tirar pneu de moto manual, desmontadora de pneus preço, pneus em uberlandia, desmontadora de pneus usada, maquinas de pneus usadas,

maquinas para pneus, pneu de fusca, desmontar pneu manual, montadora e desmontadora de pneus pneumatica, compras paraguai pneus, maquina de desembeiçar pneus, montadora pneus, pneus em campo grande ms, maquina de desmontar e montar pneus, maquina desmontar pneu de moto, pneus em bauru, maquina de pneu manual, atacado de pneus, montadora e desmontadora de pneus automatica, maquina de desmontar pneu pneumatica, desmontadora de pneus caminhao, balanceadora de rodas de moto, bico de pato desmontadora de pneus,

Desmontadora de Pneus:

, montadora de pneus, maquina de tirar pneu, maquina desmontar pneu, montadora e desmontadora de pneus, balanceadora de pneus, desmontadora de pneus manual, pneu 165 70 r13, pneu 13, maquina de montar pneu, calibrador de pneus, desmontadora de pneus de moto, maquina de montar e desmontar pneus, descolador de pneu, pneus baratos, maquina para desmontar pneus, maquina de trocar pneu, maquina de pneu, pneu, maquina de balancear pneus, maquina de desmontar pneu de moto,

desmontadora e montadora de pneus, máquina de descolar pneu, maquina desmontar pneu moto, maquina de desmontar pneu manual, maquina de desmontar pneu de caminhão, desmontadora de pneus ribeiro, balanceadora de rodas usadas, desmontadora de pneu de moto manual, olx pneus, maquina desmontadora de pneus, promoção de pneus no extra, maquina de tirar pneu de moto,

Mercadocar Pneus:

desmontadora de pneus pneumatica, desmontador de pneu, olx desmontadora de pneus, pneu direction, gilson pneus iraja, maquina tirar pneu, vulcanizadora de pneus, maquina desmontar pneu manual, maquinas de desmontar pneus usadas, muffato pneus, maquina de desmontar pneu eldorado preço, supermercado extra pneus, peças para desmontadora de pneus, extra supermercado pneus, desmontadora de pneus eldorado preço, fabrica de pneus remold, desmontadora de pneus de caminhão,

montadora e desmontadora de pneus manual, maquina montar e desmontar pneus, maquina para tirar pneu, pneus no makro, maquina pneumatica para desmontar pneus, desmontadora de pneus olx, maquina de tirar pneu preço, maquina pneus, desembeiçador de pneu, maquina montar pneus,

youtube logo 2e4rodas

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que  é CRLV?

O que é CRLV?

CRLV, é o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo, ou seja, é um documento que cada proprietário de veículo automotivo deve possuir no Brasil. Conforme Lei 13.281/2016, em vigor desde 4 de maio de 2016, a qual suspende a obrigatoriedade do condutor apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) durante as fiscalizações de trânsito.

CRLV do ano

Mesmo com o documento em mãos, só é válido perante as autoridades, caso esteja em dia com os seguintes pagamentos:

IPVA;
Seguro obrigatório DPVAT;
Taxa de renovação de licenciamento (que serve para emitir o CRLV);
Ter pago todas as multas de trânsito vencidas;

Vale ressaltar que ao recorrer de uma multa, os efeitos da multa ficam suspensos até a decisão final, mesmo assim, não impede que realize o licenciamento.

Onde pagar os débitos do CRLV?

Os pagamentos referentes ao CRLV podem ser pagos nos bancos conveniados com o DETRAN do Estado onde reside. Depois dos valores pagos, inclusive das multas vencidas, é só aguardar a chegada do documento onde reside. Por isso, é importante manter os dados atualizados.

Aliás, caso seu endereço esteja desatualizado, não terá como receber a CRLV atualizada, ou seja, do corrente ano e, se for parado numa fiscalização além de ser multado, pode ter o veículo apreendido.

Por que da obrigatoriedade do CRLV?

Todo motorista precisa sempre apresentar o CRLV, pois, através deste documento, é possível promover a venda de seu veículo. No entanto, a venda do veículo com a transferência de proprietário pode ser impedida, caso haja pendências quanto ao licenciamento.

Significa que quaisquer débitos ou multas que constam no CRLV, devem ser quitadas a fim de obter a transferência de nome do proprietário do veículo.

Ao mesmo tempo, o CRLV, é o documento que informa as autoridades qualquer tipo de modificação estrutural feita no veículo quando permitida pelos órgãos responsáveis, como por exemplo, alteração da cor original do veículo ou no chassi. Caso não solicite permissão junto ao Detran de seu Estado e passar pela fiscalização, pode ter o veículo apreendido até que retorne as características originais novamente.

Na verdade, é no CRLV que ficam contidas todas e quaisquer informações sobre o veículo desde que saiu da montadora, mesmo tendo um, dois ou mais proprietários. Tudo armazenado no número de registro do veículo, onde é possível verificar a existência de pendências.

[email protected]

CRLV acessado a partir do celular

A modernidade chegou também ao CRLV. Após o lançamento da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) em formato digital, a legislação brasileira também instituiu o CRLV eletrônico.

O CRLV é um documento eletrônico previsto na Resolução 720 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), para facilitar aos motoristas, apresentá-lo nessa versão sem a necessidade de portar o documento original em papel.

Embora, essa medida vigore desde 2017, teve o prazo para implementação adiado de 31 de dezembro de 2018 para 30 de junho de 2019. Conforme a Resolução nº 769/18 do CONTRAN, todos os DETRAN (Departamentos Estaduais de Trânsito) devem disponibilizar o CRLV eletrônico a partir do 2ºsemestre.

CRLV já em vários Estados

Contudo, alguns Estados já tem esse documento em vigor, como no Amapá, Amazonas, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rondônia e Sergipe. Quanto aos demais restam esperar que seja realmente implantado dessa vez.

Como obter a versão do CRLV digital no celular

  • Seja nos Estados onde já vigora o CRLV digital, assim, como nos Estados que aguardam a implantação do serviço, é necessário estar com a documentação do veículo em dia sem nenhum débito pendente;
  • Existem duas maneiras de baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito. Através do Play Store nos aparelhos Android, ou, na App Store nos aparelhos Apple;
  • Basta que se cadastre no Portal de Serviços do DENATRAN. Depois é só ativar o cadastro através do e-mail que você receberá do portal;
  • Então, é só acessar o aplicativo utilizando a senha criada durante o cadastro;
  • Clique em adicionar documento. Abra a aba Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo. Em seguida, insira o RENAVAM e o número do CRV nos campos indicados. Clique em incluir;
  • Pronto! O CRLV de seu veículo estará sempre disponível no celular. Melhor ainda, é que pode ser visualizado mesmo sem internet, da mesma forma que a CNH digital.

Informações mais detalhadas podem ser obtidas através do site original deste artigo, basta clicar em Dr Multas para ser redirecionado.

Post Relacionados

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

crlv,
crlv-e,
certificado de registro e licenciamento do veículo,
detran,
crlv digital,
crlv no celular,
2e4rodas,

-#crlv
-#crlv-e
-#certificadoderegistroelicenciamentodoveículo
-#detran
-#crlvdigital
-#crlvnocelular
-#2e4rodas

Cadeirinha de bebê: Como Instalar?

Cadeirinha de bebê: Como Instalar?

Dirigir com responsabilidade é o mesmo que dizer que todo motorista é responsável em transportar cada um de seus passageiros, principalmente quando o assunto envolve as crianças, então, nada melhor que reforçar alguns pontos importantes, por isso, é bom que saiba usar a Cadeirinha para Transporte das crianças corretamente, senão a criança pode se machucar ou até mesmo morrer, se acontecer um acidente. E ainda gera multa, duas coisas que você quer evitar a qualquer custo.

Desde 2010 o uso da cadeirinha para transporte das crianças deixou de ser uma simples opção de conforto para acomodar os filhos, passando ser obrigatório, e o tipo de assento de segurança, ou seja, a cadeirinha pode variar de modelo conforme a idade da criança, conforme mostrado no quadro abaixo:

  • O bebê conforto, é o tipo ideal para o transporte das crianças que tem até 1 ano de idade;
  • As cadeirinhas são as indicadas para o transporte das crianças entre 1 e 4 anos;
  • Os chamados assentos de elevação, devem ser utilizados para transporte das crianças que tem a idade de 4 até 7,5 anos;

A partir dos 7,5 até os 10 anos de idade, as crianças podem ser transportadas sentadas somente no banco traseiro e sempre atreladas ao cinto de segurança.

É bom esclarecer que as crianças nessa faixa de idade podem ser transportadas no banco da frente somente em casos que o modelo do carro tenha apenas 1 banco, ou, em ocasiões onde o banco traseiro já estiver com a lotação completa com outras crianças, conforme estabelecido em resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Saiba como deve ficar a posição da cadeirinha para transporte das crianças

Bebê conforto

  • A partir do nascimento até 1 ano de idade, a criança deve ser transportada no bebê conforto, sempre apoiando o corpo para que não se mexa demais, principalmente o pescoço;
  • Deve ser instalado no sentido inverso da posição normal do banco do veículo, assim, evita trancos em caso de freadas ou acidentes;

Cadeirinha

  • As crianças de 1 ano até 4 anos de idade devem usar transportadas na cadeira de segurança que deve ficar sempre no banco de trás, voltada para frente, na posição vertical;
  • Claro que a cadeirinha para transporte das crianças, precisa estar fixada ao banco para que esta não saia do lugar;
  • A cadeirinha possui tiras almofadadas que devem ser ajustadas ao corpo da criança com uma folga de um dedo, assim, as crianças ficam confortáveis e tranquilas;

Assento de elevação

  • Já no caso das crianças com idade acima de 4 anos, devem utilizar somente o assento de elevação preso ao banco traseiro, que vai permitir que fique com altura suficiente para usar o cinto de segurança de três pontos.

Todos os acessórios utilizados como cadeirinha para transporte das crianças, seja do recém-nascido até a idade de 7,5 anos, devem ser utilizados somente quando tiver o selo do (Inmetro), Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, pois é, este selo que confere qualidade e segurança aos produtos.

E nas motos, as crianças podem ser transportadas também?

Levar crianças que tenham menos de 7 anos de idade em motocicletas, é uma infração gravíssima, com penalidade de multa de R$ 191,54, 7 pontos na carteira, e até suspensão do direito de dirigir, além de recolhimento do documento de habilitação, já que nesta idade as crianças não tem condições de cuidar de sua própria segurança.

Quando as crianças alcançam a idade acima de 7 anos, podem ser transportadas em motocicletas desde que seja observado pelos pais ou responsáveis, que esta use capacete, acessórios e roupas adequadas ao seu tamanho, a fim de prevenir lesões mais graves nos casos de quedas, mas, também é preciso que tenham altura suficiente para manter os pés apoiados na pedaleira, e consigam manter-se agarradas ao piloto!

cadeirinha de bebê
inscreva-se no youtube

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Problemas com bancos de couro. O que fazer?

Problemas com bancos de couro. O que fazer?

Couro é um dos melhores materiais que já inventaram. São encontrados em muitos produtos, entre os quais, no banco do carro. No entanto, com o passar do tempo, problemas com bancos de couro, que poderiam ter sido evitados, podem aparecer como ressecamentos e rachaduras. É sinal que os bancos de couro precisam ser tratados com produtos próprios para limpeza a fim de impedir que rache mais.

Produtos abrasivos prejudicam o couro

Antes de qualquer atitude, é preciso lembrar que a limpeza do assento dos bancos de couro jamais devem ser feitos com produtos como limpa tudo, cândida e, tão pouco com esponjas de aço, ou escovas. Qualquer um desses produtos é abrasivo o suficiente para detonar bancos de couro, jaquetas, sapatos.

Limpeza + hidratação

A limpeza correta seguida de uma boa hidratação é tudo que os bancos de couro precisam, assim, ficam macios, cheirosos e ameniza as rachaduras.

Por isso, desde a limpeza até a hidratação dos bancos de couro, deve ser feita ou por um especialista no assunto, ou por você na garagem, mas, somente com produtos específicos que possam ser utilizados em couro, caso contrário, pode danificar o couro de vez.

As dicas para acabar com os problemas com bancos de couro, podem ser aproveitadas para outros produtos que sejam fabricados até mesmo com material sintético. Portanto, nem couro sintético pode ser limpo com produtos abrasivos, pois, provocam ressecamentos no material. É prejuízo na certa.

Bancos de couro valorizam o carro

Nada mais bonito que ter bancos de couro no carro, desde é claro, que estejam com aspecto macio, brilhante, sem rachaduras e, com aquele cheirinho típico. É um diferencial que valoriza qualquer veículo, por isso, requer uma manutenção constante na limpeza com os produtos corretos. 

Vantagens de ter bancos de couro

Ter bancos de couro no carro é o sonho de muitos motoristas. Talvez se soubessem do cuidado especial quanto a limpeza deles, pensassem duas vezes. No entanto, fazer a limpeza da forma correta nos bancos de couro, é muito fácil, Dessa maneira, o couro mantêm-se conservado e com aspecto de novo sempre.

A manutenção de limpeza é bem mais simples que um banco de estofado normal, desses de tecido, por isso, em poucos minutos a limpeza pode ser feita tranquilamente na sua garagem. Como os bancos de couro são impermeáveis, ou seja, não retém líquidos quando derramados, basta fazer uma limpeza semanal para voltar o aspecto macio.

[email protected]

Como limpar os bancos de couro do carro

Para limpar os bancos de couro de seu veículo, ou, de qualquer outro material como sofás, bolsas ou jaqueta, o procedimento é o mesmo, e muito fácil. Acompanhe:

Pelo menos a cada 7 dias, uma limpeza é suficiente, salvo quando cair algo sobre os bancos como sorvetes ou refrigerantes. Isso acontece muito quando tem crianças a bordo. Nesses casos, é bom limpar de imediato. Passe um pano úmido em água no momento para não ficar grudento e,  quando tiver oportunidade providencie a limpeza adequada. Não esqueça que o banco é impermeável e, o líquido pode escorrer para dentro das frestas nos bancos de couro do carro.

Para a limpeza é preciso ter panos de microfibras limpos, detergente neutro, embora o melhor é ter produto específico para limpeza em bancos de couro. Uma alternativa é utilizar sabonete neutro, tipo Dove ou infantil em vez de detergente neutro. Aliás, proporciona uma maciez maior, além de deixar um perfume muito agradável.

Após feita a limpeza é necessário sempre finalizar com uma hidratação bem caprichada que pode ser feita com hidratantes próprios para couro. Também na ausência destes, a hidratação nos bancos de couro pode ser feita com óleo Johnson, ou mesmo creme nívea.

Como proceder

  1. Comece tirando toda a poeira e resíduos dos bancos com um pano de microfibra seco;
  2. Esfregue sabonete num pano de fibra úmido e passe nos bancos de couro;
  3. Em seguida passe outro pano limpo e úmido para tirar o sabonete. Passe outro pano seco;
  4. Espere secar por completo. Por último passe um novo pano de microfibra com óleo Johnson ou creme nívea. Repita a operação caso os bancos estejam muito ressecados;

Não deixe de fazer a hidratação, pois é fundamental para hidratar cada fibra dos bancos de couro. Assim, volta o brilho, a maciez e a vitalidade, agregando valor ao veículo.

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

problemas com bancos de couro,
limpeza de banco de couro,
produto para limpar banco de couro,
banco de couro,
hidratação do banco de couro,
2e4rodas,

-#problemascombancosdecouro
-#limpezadebancodecouro
-#produtoparalimparbancodecouro
-#bancodecouro
-#hidrataçãodobancodecouro
-#2e4rodas

É fácil dirigir na neblina?

É fácil dirigir na neblina?

Não! Dirigir na neblina pode ser bem difícil, mesmo para motoristas experientes, dependendo da intensidade e do horário. Para motoristas novatos, que nem experiência tem em pegar estradas, dirigir na neblina pode ser perigoso.

Afinal, o que é neblina

Neblina é uma formação de nuvens densas que repousam sobre o solo. Na realidade, é como uma parede branca que paira sobre o vidro do carro, impedindo de ver até o capô do carro! No entanto, dirigir na neblina durante o dia é mais fácil, por isso, se não quer arriscar, viaje apenas, enquanto estiver claro.

Para aqueles que estão acostumados a viajar durante o dia, dependendo da estrada, não tem neblina. Agora, quando a estrada é próxima a rios, lagos, serras e montanhas, é bom ficar preparado. Isso porque, basta ocorrer uma variação brusca da temperatura, para aparecer, mesmo durante o dia.

Como dirigir na neblina

A parede branca limita a visibilidade até o capô de seu carro. Significa, que o carro que está logo a frente, assim, como o que vem logo atrás, ficam invisíveis para você. Por esse motivo, o cuidado na direção deve ser redobrado para não causar acidentes. 

Seja como for, jamais ligue o pisca alerta enquanto estiver dirigindo na neblina. Seria uma atitude perigosa que certamente daria início a uma série de engavetamentos! Visto que o motorista que vem atrás, entenderia que está parado, e enfiaria o pé no freio.

Quando a neblina é fraca

A neblina pode aparecer repentinamente de forma leve e contínua, permitindo alguma visibilidade ao redor do veículo. Mesmo que consiga visualizar somente um pouco abaixo do normal, o segredo, é manter o carro na velocidade baixa, mas, sempre atento.

Quando a neblina é forte

A neblina forte, tem a característica parecida com uma parede que impede a visão até do carro na faixa ao lado. É uma situação de estresse, já que exige reações imediatas do motorista, por isso, os reflexos devem estar bem condicionados.

A neblina densa pode acontecer mesmo em manhãs claras, ou ao anoitecer, quando as condições de dirigibilidade ficam mais perigosas. De qualquer maneira, exige certas precauções por parte do motorista, tais como:

Manter a distância do veículo da frente é a atitude mais sensata. Afinal, é a sua segurança e dos demais motoristas que está em jogo. Não tenha pressa, e nem force a passagem. Lembre-se, ninguém, está vendo ninguém! Por isso, o perigo é real e existe.

Regulagem correta dos faróis

Os faróis são itens essenciais para permitir uma boa dirigibilidade, principalmente na neblina. Por isso mesmo, precisam estar bem regulados, para não ofuscar motoristas que venham em direção oposta. Durante a neblina, não deve utilizar farol alto, somente o baixo, pois o farol alto bate na parede branca e ofusca o próprio motorista. Caso tenha faróis de neblina, é o momento de utilizá-los.

Jamais dirija na neblina sem estar pelo menos com as lanternas acessas e farol baixo. Evite buzinar, já que em meio a neblina, vai assustar todos a volta, já que ninguém visualiza o que está a frente.

Muito cuidado ao dirigir na neblina, pois, o piso está escorregadio devido a garoa e, pode causar derrapagens dos pneus. Por isso, atenção nas curvas, ou caso tenha que frear bruscamente.

Velocidade ideal para dirigir na neblina

Veja bem, caso a neblina esteja apenas começando, a visão será quase normal, mesmo assim, é bom manter distância e, permanecer em velocidade compatível ao momento.

No entanto, na hora que não enxergar mais o carro a frente, precisa reduzir a velocidade. Dessa forma, o motorista que vem atrás, também vai tirar o pé do acelerador. Esta é uma das medidas cruciais para evitar algum acidente. Nunca pare na pista. Caso seja realmente necessário, procure estacionar em locais permitidos e bem sinalizados, como postos de combustíveis.

Limpador de para-brisas

Dirigir na neblina, requer limpadores de para-brisas perfeitos, já que a neblina é como uma garoa forte, que vai exigir inclusive, boa ventilação dentro ao carro, para não embaçar os vidros.

Dica de Ouro

Caso seja pego de surpresa em meio a um nevoeiro, uma saída é seguir algum ônibus, sempre mantendo a distância. Afinal, ele provavelmente conhece a estrada muito melhor que você! E boa viagem.

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras chave

dirgir na neblina,
como dirigir na neblina,
fárois do carro,
carro,
2e4rodas,

-#dirgirnaneblina
-#comodirigirnaneblina
-#fároisdocarro
-#carro
-#2e4rodas

Como ter Segurança nas Oficinas e Concessionárias

Como ter Segurança nas Oficinas e Concessionárias

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Todos os dias centenas de pessoas circulam pelas oficinas em busca de consertos para os veículos, sem imaginar, que para a Oficina ou a Concessionária ter êxito nos serviços oferecidos, além de excelência em atendimento aos clientes, antes de tudo, deve haver segurança em todos os setores, envolvendo a todos os funcionários desde o encarregado da limpeza até o mecânico mais conceituado.

Obrigatoriedade no uso de Equipamentos de Segurança(EPI)

É previsto em lei que o ambiente de trabalho nas Oficinas ou Concessionárias ofereçam antes de mais nada, segurança aos empregados, através do uso de equipamentos de segurança, os quais devem ser fornecidos pelo empregador ou pelo dono do estabelecimento comercial.  É um investimento necessário que através da segurança transmitida aos funcionários, ganha-se com na qualidade de trabalho.

Obrigatoriedade no uso de Equipamentos de Segurança(EPI)

É previsto em lei que o ambiente de trabalho nas Oficinas ou Concessionárias ofereçam antes de mais nada, segurança aos empregados, através do uso de equipamentos de segurança, os quais devem ser fornecidos pelo empregador ou pelo dono do estabelecimento comercial.  É um investimento necessário que através da segurança transmitida aos funcionários, ganha-se com na qualidade de trabalho. 

Respaldo Necessário ao Empregador

De acordo com a Norma Regulamentadora 6, conforme portaria nº 3.214 de 1978, do Ministério do Trabalho, a empresa deve fornecer aos empregados de Oficinas ou Concessionárias, todos os equipamentos   necessários a segurança, mediante assinatura de recebimento do empregado, afim do empregador ser isento de responsabilidades em futuras causas trabalhistas, caso venham a surgir.

Respaldo Necessário ao Empregador

De acordo com a Norma Regulamentadora 6, conforme portaria nº 3.214 de 1978, do Ministério do Trabalho, a empresa deve fornecer aos empregados de Oficinas ou Concessionárias, todos os equipamentos   necessários a segurança, mediante assinatura de recebimento do empregado, afim do empregador ser isento de responsabilidades em futuras causas trabalhistas, caso venham a surgir.

O uso Correto do EPI

A importância do uso correto do EPI pelos funcionários deve ser abordado através de palestras e se necessário de treinamentos, mostrando a eficiência e a segurança que cada equipamento oferece.

Outro item importante para o empregador, é que os equipamentos devem ter C.A. (Certificação de Aprovação) garantindo que houve aprovação pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

Omissão no uso de EPI pelo Funcionário

Como é previsto em Lei a obrigatoriedade do fornecimento do EPI pelo patrão, e do uso pelo empregado, a empresa pode reservar o direito de advertir o funcionário pela falta de uso do EPI, ou, de punições de acordo com as normas internas estabelecidas.

Dica para Uso do EPI

É interessante fixar não só no quadro de avisos, como em todos os setores, o lembrete do uso correto e obrigatório dos EPI’s, como também das penalidades que podem ser aplicadas. 

Equipamentos de Segurança

Os EPI’s mais utilizados são as luvas, óculos de proteção, protetores auriculares, máscaras, aventais, botas com biqueira de aço, além de outros mais específicos de acordo com o setor em que o funcionário trabalhar. Para maior segurança em todos os setores, os extintores de incêndio devem ser vistoriados periodicamente e com fácil acesso, além de manter a disposição uma brigada de incêndio.

Palavras chave:

Post Relacionados

  • #segurançanaoficina
  • #equipamentodesegurança
  • #usodeEPI
  • #segurançanasoficinaseconcessionárias
  • #ferramentasparaoficina
  • #2e4rodas
inscreva-se no youtube

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Ar Condicionado veicular, o que você precisa saber?

Ar Condicionado veicular, o que você precisa saber?

Veículos com Ar Condicionado de Fábrica

Não há nada mais cômodo do que andar de carro, mas, passar aquele enorme calor, devido á própria segurança em estar com os vidros fechados, não há como aguentar, por isso, o Ar Condicionado é uma excelente opção de escolha para conforto de todos os ocupantes, por isso, na hora da compra de um veículo, é um dos itens mais procurados hoje em dia.

Adquirindo Ar Condicionado

Os veículos que não foram adquiridos com ar-condicionado de fábrica, podem procurar pelas oficinas especializadas para instalação do produto  e o custo-benefício realmente surpreende no final, principalmente por não elevar tanto o gasto com combustível, devido a tecnologia e a evolução dos motores existentes hoje no mercado.

Manutenção do Ar Condicionado

Como qualquer outra parte do veículo, o ar-condicionado necessita de manutenção a cada 6 meses, assim, além de prolongar a vida útil do equipamento, é possível evitar gastos com prejuízos inesperados.

Limpeza do Ar Condicionado

Os componentes do Ar Condicionado que devem ser limpos são os filtros, o condensador e as demais peças que fazem parte da refrigeração.

Ar Condicionado e a Poluição

É aconselhado aos motoristas que utilizam os veículos com muito mais frequência, além de taxistas, que a manutenção no Ar Condicionado seja feita de 3 em 3 meses, devido a poluição ambiental,  o que eleva muito os danos causados no equipamento.

Orientações para o uso correto do Ar Condicionado

Na hora de entrar no carro que estava debaixo de sol forte, os vidros devem ser abertos e ligado o Ar Condicionado na posição apenas de vento, para que haja circulação entre o ar quente de dentro com o ar de fora, somente após esse procedimento, o Ar Condicionado pode ser ligado.

Para as pessoas que preferem o ar bem gelado, o ideal é ligar o Ar Condicionado na potência inicial, pois, quanto mais devagar o ar passa através do condensador, maior é o frio produzido.

Fazer a manutenção no tempo indicado, garante,  não só a durabilidade do Ar Condicionado, como também economia em até 15% de combustível mesmo que sempre ligado, inclusive, sem alterar o desempenho do veículo.

Post relacionado

Nota de Rodapé

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

ar condicionado veicular,
ar condicionado de carro,
manutenção de ar condicionado,
ar condicionado para carro,
preço de ar condicionado,
2e4rodas,

-#arcondicionadoveicular
-#arcondicionadodecarro
-#manutençãodearcondicionado
-#arcondicionadoparacarro
-#preçodearcondicionado
-#2e4rodas

Tudo que você precisa saber sobre câmbio automatizado

Tudo que você precisa saber sobre câmbio automatizado

O Câmbio Automatizado popularmente conhecido como semiautomático, funciona através de sensores e computadores os quais comandam as trocas de marchas, facilitando ao motorista a experiência em dirigir, sendo, que este sistema é muito útil, quando no local transitado, a troca de marchas é constante.

Como Funciona o Câmbio Automatizado

O Câmbio Automatizado funciona com sistema semelhante ao Câmbio manual, isto significa que para cada marcha engatada, existe uma engrenagem individual correspondente.

Câmbio Automatizado Agilidade e Maciez

O Câmbio Automatizado,  dispensa a necessidade de embreagem, pois este é controlado através de equipamento eletrônico, ajustando inclusive o TIMING e o TORQUE, agilizando a troca de marchas, tornando-as macias.

Câmbio Automatizado e os Paddle Shifts

O Câmbio Automatizado pode ter a posição de marchas, semelhante ao modelo manual, o tradicional H, sendo que o modelo mais utilizado, é de Câmbio Sequencial, instalado no local do Câmbio manual, ou ainda engatado na direção através de PADDLE SHIFTS ou BORBOLETAS.

[email protected]

Câmbio Automatizado x Câmbio Automático

O Câmbio Automatizado opera também como Câmbio Automático, através da troca de marchas automáticas feitas pelo computador, inclusive alguns tipos, podem assumir a diminuição de marchas, em casos de frenagens, mesmo estando no modo manual.

Vários Nomes atribuídos ao Câmbio Automatizado

Existem no mercado automobilístico, vários fabricantes de automóveis, os quais patentearam nomes diferentes para o mesmo produto, cada montadora, é claro, mantêm o segredo da tecnologia utilizada, como é o caso da Fiat (Dualogic), Toyota (SMT), Chevrolet (Easytronic), Honda (I-Shift), Volkswagen 

(I-Motion), Peugeot (Tronic), Renault (Quickshift) e a Ford (Powershift).

Custo Benefício do Câmbio Automatizado

O Câmbio Automatizado vem sendo instalado pelas montadoras, principalmente em carros pequenos ou de médio porte, devido ao custo-benefício em relação ao Câmbio Automático, com a vantagem do motorista escolher entre o modo manual e o automático.

Vantagens do Câmbio Automatizado

Muitas são as vantagens do Câmbio Automatizado, como evitar desgastes excessivos nos freios, já que a cada freada, as marchas são desengatadas automaticamente. Graças ao sistema eletrônico, o qual evita impactos na troca de marchas, as engrenagens são preservadas, além da economia de combustível obtida com a troca de marchas no tempo correto.

Desvantagens do Câmbio Automatizado

Talvez venham a surgir, reclamações ou comentários negativos entre usuários ou motoristas, a respeito do Câmbio Automatizado, e algumas vezes pode-se notar que os problemas relatados, são atribuídos ao uso incorreto do Câmbio Automatizado pelo motorista e não ao veículo.

Recomendações ao adquirir veículos com Câmbio Automatizado

É interessante e acima de tudo, recomendado antes de adquirir veículos fabricados com Câmbio Automatizado, que seja feito test drive em vários modelos de carros diferentes, para o motorista ter a opção de escolher a qual se adaptou melhor, ou seja, qual veículo ofereceu melhor dirigibilidade e confiança.

Post Relacionados

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

câmbio automatizado,
marcha automatizada,
marcha semiautomática,
embreagem do carro,
Tudo que você precisa saber sobre câmbio automatizado,
2e4rodas,

-#câmbioautomatizado
-#marchaautomatizada
-#marchasemiautomática
-#embreagemdocarro
-#Tudoquevocêprecisasabersobrecâmbioautomatizado
-#2e4rodas

15 maneiras de causar desgaste de um veículo

15 maneiras de causar desgaste de um veículo

Levar o carro anualmente para a revisão programada na concessionária, prolonga a vida útil do motor, do câmbio, e de todos outros componentes.

Já a manutenção semanal como verificar o nível de óleo, água, e calibragem nos pneus, também são necessários, mas, mesmo com todos esses cuidados, não significa que algumas peças não sejam desgastadas pelo tempo. 

Talvez algumas pessoas não saibam, que as vezes simples atitudes que costumam fazer com o veículo, acreditam que não prejudiquem em nada, e quando surgem defeitos repentinos decorrentes dessas atitudes, o prejuízo já está no orçamento.

desgaste em veículo,

Atitudes que causam desgastes no seu veículos

Indicaremos a seguir quais são essas atitudes e como podem comprometer a durabilidade do veículo, são as seguintes: 

1º ANDAR COM COMBUSTÍVEL NA RESERVA

Pode causar apagão no motor ou queimar a bomba de gasolina, além de acelerar o desgaste do motor.

2º DESCANSAR O PÉ EM CIMA DA EMBREAGEM 

Pode provocar desgaste no disco, platô, e rolamentos, inclusive pode afetar o volante do motor, o prejuízo seria maior ainda.

3º RASPAR OS PNEUS AO ENCOSTAR NA CALÇADA, OU, DEIXAR O CARRO ESTACIONADO COM O PNEU ESTERÇADO E APOIADO NA CALÇADA

Além de estragar a banda dos pneus, acaba desalinhando o veículo.

4º FICAR VIRANDO A DIREÇÃO ENQUANTO O VEÍCULO ESTÁ PARADO OU ATÉ MESMO AS RODAS TRAVADAS

Essa brincadeira de criança, acaba sobrecarregando o sistema hidráulico de direção, podendo causar vazamentos, e apresentar problemas na bomba hidráulica e na mangueira.

5º PASSAR EM LOMBADAS OU QUEBRA-MOLAS NA DIAGONAL

O movimento que o carro mais rebaixado é forçado a fazer, resulta no desalinhamento e ruídos excessivos, segundo especialistas, tem que passar com o carro reto e com cuidado para não raspar embaixo.

como diminuir os desgastes nas peças,

6°º ESTACIONAR O CARRO EM DESCIDAS, E DEIXAR O CARRO NO PONTO MORTO

Essa atitude, acaba sobrecarregando o sistema de freios, se estivesse engatado, o motor mesmo promove a ação do freio motor.

7º ATRAVESSAR LOCAIS ALAGADOS

Esse é um problema comum nos dias de chuva, mas, mesmo que a água não entre pelo escapamento, a água ocasiona o choque térmico, que pode provocar vibração no pedal, e danifica os discos de freios.

8º SAIR CANTANDO PNEU 

Além de ter um desperdício maior de combustível, provoca desgaste nos pneus, nos freios, coxins.

9º ANDAR COM CARRO COM O ÓLEO VENCIDO OU NUNCA TROCAR

Provoca degeneração do lubrificante, que é transformado em resíduos que podem provocar entupimento, e até travamento do motor, o problema seria realmente dispendioso.

10º NÃO FAZER ALINHAMENTO OU GEOMETRIA DO VEÍCULO

O fato de andar com carro desalinhado causa problema nas rodas, torna a direção insegura, e acaba exigindo maior esforço do veículo, além de aumentar o gasto de combustível.

alinhamento no carro

11º NÃO TROCAR O LÍQUIDO DE ARREFECIMENTO

O aditivo serve para evitar o congelamento ou a fervura da água no motor, e o prejuízo pode ser grande.

12º DEIXAR O CARRO ESTACIONADO E OS VIDROS ELÉTRICOS SEM FUNCIONAR POR MUITO TEMPO

O fato do carro estar no estacionamento parado há algum tempo, significa que precisa ligar o carro constantemente, para impedir que a bateria descarregue, além de ter que abrir e fechar os vidros elétricos, afim, de evitar que os vidros elétricos tenham problemas com quebra de peças por ressecamento.

13º FALTA DA SUBSTITUIÇÃO DOS FILTROS

O carro possui filtros de ar, de combustível, de óleo, do ar-condicionado, e todos precisam ser constantemente trocados evitando, assim gastos desnecessários.

14º DEMORAR MUITO PARA FAZER UM REPARO NA LATARIA

Às vezes por problemas financeiros o reparo do amassado acaba sendo deixado de lado,  isso significa que na hora do conserto na funilaria, o preço poderá sair bem mais caro, já que a peça amassada começa a sofrer corrosão. 

15º NÃO LAVAR O VEÍCULO POR MUITO TEMPO

Hoje em dia no mercado, existem muitos locais que deixam a pintura do veículo como nova com polimento,  ou cristalização,  mas, antes de mais nada o carro tem que ser lavado semanalmente, para tirar todas as impurezas como pó, a terra, o piche, para a pintura ficar conservada e brilhante, evitando inclusive esse gasto desnecessário.

Essas são apenas, algumas dicas, e fazendo constantemente a manutenção preventiva no carro, além de auxiliar na durabilidade, evita os chamados gastos desnecessários e emergenciais.

manutenção em veículo

Post relacionados

Nota de rodapé

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

desgaste em veículo,
como diminuir os desgastes nas peças,
como preservar o carro,
15 maneiras de causar desgaste de um veículo,
manutenção em veículo,
alinhamento no carro,

-#desgasteemveículo
-#comodiminuirosdesgastesnaspeças
-#comopreservarocarro
-#15maneirasdecausardesgastedeumveículo
-#manutençãoemveículo
-#alinhamentonocarro

Conheça Nictheroy Clube de Carro Antigo

Conheça Nictheroy Clube de Carro Antigo

Como e quando surgiu Nictheroy

Como surgiu Nictheroy? Seu inicio aconteceu quando três amigos que tinham muita coisa em comum, os três tinham oficina e eram profundos conhecedores de mecânica e principalmente, gostavam muito de carros antigos. Estamos falando da década de 60, Niterói ainda tinha bondes e a população não chegava a cem mil habitantes. Havia os famosos ”pegas” na praia de Icaraí, com direito a batidas e “cavalo de pau”, e foi nesse clima de cidade pequena que esses três amigos começaram a se encontrar com o seus carros.

Aos poucos, a esses três, juntaram-se outros e a turma começou a aumentar e todos com o mesmo objetivo: reunir os carros. Muito informalmente, não havia um local determinado. Ora em uma Praça no Gragoatá, ora no Campo de São Bento ou em frente à Biblioteca Nacional, ora um verdadeiro “passeio” a São Francisco, o fato é que o grupo se divertia dessa forma.

Quem são os amigos fundadores


Os amigos eram o Leandro Franco, Izchak Redinger e Albino Carneiro e a eles se juntaram Fernando dos Anjos, Walter Moreira, Danilo Cariello, Francisco Ney de Araújo, Marcelo Amaral entre outros.


Os encontros continuavam, estamos na década de 70, mas agora já se fala em criar um Clube, um clube que agregasse todo e pessoal que tinha o carro antigo como hobby.
Começaram as reuniões que ocorriam na oficina do Izchak. Ali surgiam várias ideias, parar criar o Clube, mas fica tudo no papel. Os anos vão se passando, os encontros continuam cada vez mais frequentes, e se tornam passeios de carros antigos. Os amigos, já mais de vinte, vão juntos com suas raridades a Bom Jardim, Teresópolis, Itaipava, Conservatória, entre outras cidades próximas a Niterói.

Crescimento do grupo

Até que aparece no grupo, Wilson Sauerbronn, que junto com mais dois amigos, o José Átila Valente e o Danilo Cariello, arregaçaram as mangas e redigiram depois de muita discussão e muitos acertos, o que seria o primeiro Estatuto do Nictheroy Clube de Veículos Antigos, cuja a data oficial da fundação foi em Cinco de Abril de 1986 tendo como seu primeiro presidente o Sr. Wilson Sauerbronn e como Vice Presidente o Sr. José Atila Valente.


O Clube, então como pessoa jurídica, era chamado por várias prefeituras das cidades vizinhas para participar de eventos, carreatas, passeios etc. São Fidelis, Itaocara, Bom Jardim, São Sebastião do Alto, Vassouras foram algumas das cidades visitadas.

Fonte

www.ncva.com.br

www.facebook.com/nictheroyveiculosantigos

Post Relacionados

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

nictheroy,
nictheroy clube de veículos antigos,
rodas para carros antigos,
4rodas veiculos,
rodas carros antigos,

-#nictheroy
-#nictheroyclubedeveículosantigos
-#rodasparacarrosantigos
-#4rodasveiculos
-#rodascarrosantigos

Os 6 carros mais rápidos do mundo em 2021

Os 6 carros mais rápidos do mundo em 2021

Os carros mais rápidos do mundo não estão apenas nos filmes, são reais e possivelmente com muito mais tecnologia e sofisticação dos seus sósias da “telona”. E o melhor é que estão a disposição para comprar, isso mesmo, geralmente sob encomenda pelos felizardos, amantes de velocidade, que gostam de carros com estilo, garra, muita, mas muita potência e estão dispostos a desembolsar alguns milhares de dólares para realizar esta satisfação pessoal.

youtube logo 2e4rodas

E mesmo que esses carros mais velozes do mundo não tenham entrado para o Guiness, cada uma dessas maravilhas merecem todo respeito, basta comparar a ficha técnica de cada, claro que a maioria atinge a faixa de 400 km/h, quanto ao preço, alguns são assustadores! Confira:

1- Bugatti Chiron

Vamos começar com o Bugatti Chiron. O dono do pódio dos carros mais rápidos do mundo em 2021. Produzido em 2016, ele sempre lutou com o Koenigsegg One:1 o posto do carro mais veloz. 

[email protected]

O mesmo é equipado com moto 8.0, com 16 cilindros. O resultado dessa composição é apenas 1.578 cavalos de potência. Nas mais, nada mesmo que isso!  Recentemente, o Bugatti Chiron chegou à marca de 490 km/l na pista de testes do Grupo Volkswagen em Ehra-Lassien, na Alemanha.

2-  Koenigsegg One:1

O Koenigsegg One:1 é a super máquina que leva o título atualmente do carro mais rápido do mundo, sendo uma exclusividade e um dos mais respeitados no mercado dos superesportivos. Nesse sentido, o que da vida a essa lenda dos asfaltos é o seu excelente motor de 1.378CV, levando-o de 0 a 100km/h em apenas 2.8s.

Sem falar no que leva o seu título, que é a grande velocidade máxima de 440km/h. Além disso, por ser um carro com foco em aceleração e alta esportividade, ele é bastante leve, sendo 1 360 kg, logo, possuindo bom peso-potência. No entanto, é um carro extremamente exclusivo, onde foram fabricadas 7 unidades no mundo, por uma média de altíssimos US$ 3,1 milhões.

3- Venom GT 

Sendo por 2 anos o número 1 entre os carros mais rápidos do mundo, o Venom GT é um dos superesportivos mais respeitados e potentes já feitos pela marca, batendo o recorde de 435,3km/h. Dessa forma, no Venom GT temos um motor bi-turbo, que foi produzido especialmente para competição pela Corvette, que conseguem gerar grandes 1261CV.

Além disso, esse excelente motor faz com que essa máquina consiga atingir de 0 a 300km/h em apenas 13,18 segundos, sendo o recordista nessa categoria. Por conseguinte, esse carro não é tão limitado, onde você até consegue adquirir um, mas terá que desembolsar cerca de US$ 1.2 milhões.

4- Bugatti Veyron Super Sport

Não poderíamos citar os carros mais rápidos do mundo, e não citar a grande lenda do asfalto que é o Bugatti Veyron. Sendo assim, ele é o terceiro entre os carros mais rápidos do mundo, possui um gigante motor 8.0L de 1200CV e 152,6kgfm de toque.

Ou seja, toda essa motorização faz esse monstro chegue de 0 a 100km/h em apenas 2,2 segundos e uma velocidade máxima de 431km/h. Se você desejar ter acesso a essa potência toda, será necessário desembolsar cerca de 2 milhões de dólares.

5. SSC Ultimate Aero Twin Turbo

A famosa Shelby mostrou no lançamento do SSC Ultimate Aero TT que não estava para brincadeira, sendo atualmente o 4º entre os carros mais rápidos do mundo. Desse modo, esse modelo da marca está há cerca de 6 anos no mercado mundial, possuindo uma motorização de 1287CV.

Assim, todo esse motor consegue fazer um 0 a 100km/h em somente 2,8 segundos, atingindo um máximo de 430km/h. Além disso, o seu maior destaque é o seu preço um pouco mais “acessível”, e com produção em série, custando por volta de US$ 500.000.

6- SSC Tuatara

No dia 10 de outubro, o esportivo Tuatara, da desconhecida SSC, montadora com sede nos Estados Unidos, registrou uma velocidade média de 508,73 km/h. Foi em um trecho de onze quilômetros em uma rodovia de duas pistas em Las Vegas. É uma façanha que supera com folga os recordes batidos por um Bugatti em pré-produção (490,4 km/h) e pelo Koenigsegg Agera RS (447 km/h).

O inglês que acelerou o Tuatara, Oliver Webb, atingiu 484,53 km/h na primeira tentativa e depois 532,93 km/h. As velocidades foram testemunhadas por dois representantes do Guinness World Records.

Fontes: dados retirados dos sites exame.com, carros.inf.br, revistadeautomovel.com.br. Acessado em 27de maio de 2021.

Post Relacionados

Palavras Chave

  • #oscarrosmaisrápidos
  • #carrosvelozes
  • #BugattiChiron
  • #KoenigseggOne:1
  • #VenomGT
  • #BugattiVeyronSuperSport
  • #SSCUltimateAeroTwinTurbo
  • #SSCTuatara

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Como transportar seus filhos com segurança?

Como transportar seus filhos com segurança?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Em se tratando de transporte de crianças, a responsabilidade do condutor dobra, assim como a dos pais  em se certificarem de que, seja com eles ou na van da escola por exemplo, seus filhos serão transportados com responsabilidade e dentro da lei. Por isso, é importante que saibam usar a Cadeirinha para Transporte de suas crianças corretamente. Mesmo com a utilização da cadeirinha, do assento de elevação ou do bebê conforto, a criança não está totalmente protegida de sofrer danos em caso de um eventual acidente, no entanto será muito menor o dano do que sem estes dispositivos de segurança. Caso ela não esteja no seu lugar adequado, pode se machucar ou até mesmo morrer, se acontecer um acidente e ainda gera multa, duas coisas que você quer evitar a qualquer custo.

Segurança para as crianças é lei

A partir de 2010, o uso da cadeirinha no transporte de crianças se tornou obrigatório, mesmo que alguns pais mais cautelosos já utilizam este item de segurança para o conforto e comodidade dos filhos. Esse tipo de assento de segurança, ou seja, a cadeirinha é escolhida o modelo conforme a idade da criança, conforme mostrado no quadro abaixo:

  • O bebê conforto é indicado para crianças de 0 a 1 ano de idade, o tipo ideal para o transporte das crianças desta faixa etária;
  • As cadeirinhas são recomendadas para o transporte das crianças a partir de 1 ano, podendo ser utilizadas até os 4 anos;
  • Os chamados assentos de elevação, como o nome já diz, devem ser utilizados para elevar as crianças durante o transporte das crianças de idade 4 até os 7 anos e meio.

A partir dos 7,5 até os 10 anos de idade, as crianças precisam ser transportadas sentadas e somente no banco traseiro, sempre utilizando o cinto de segurança corretamente.

Existem duas exceções em que essa regra não se aplica, ou a lei permite que a criança viaje no banco da frente. Um é no caso do veículo possuir apenas bancos dianteiros, geralmente modelos de pick-ups. A segunda exceção é quando o banco traseiro do veículo já se encontra completamente preenchido com crianças menores de 10 anos, podendo assim a próxima utilizar o banco da frente, conforme estabelecido em resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). No entanto, as demais regras de utilização de bebê conforto, cadeirinha e banco de elevação são obrigatórias no transporte de crianças em veículos.

Veja como deve posicionar a cadeirinha para transportar as suas crianças

Bebê conforto

  • O bebê conforto é indicado para crianças de 0 a 1 ano de idade, sempre posicionando o corpo para que não se mexa demais, principalmente o pescoço que é uma região muito delicada;
  • Ele deve ser instalado de modo que a criança fique de costas para o painel do carro, no sentido inverso da posição normal do banco do veículo, assim, vai evitar trancos em caso de freadas ou acidentes;

Cadeirinha

  • A partir de 1 ano  já pode utilizar a cadeirinha no banco de trás do veículo, até 4 anos de idade. Para quem já passou por essa experiência já deve ter percebido como eles ficam felizes por poder ver tudo a sua volta ou os pais quando está sentados nas cadeirinhas;
  • Mesmo sendo óbvio, sempre é bom lembrar. A cadeirinha para transporte das crianças precisa estar fixada ao banco para que esta não saia do lugar;
  • A cadeirinha, assim como no bebê conforto, possui tiras almofadadas que devem ser ajustadas ao corpo da criança, não muito apertado, com uma folga de um dedo, assim, as crianças ficam confortáveis e você tranquilo;

Assento de elevação

  • Para crianças com 4 anos ou acima, já podem utilizar o assento de elevação preso ao banco traseiro, que vai permitir que fique com altura suficiente para usar o cinto de segurança de três pontos. Muito importante para a proteção da criança e máxima eficácia do cinto de segurança.

Todos esses itens de segurança mencionados acima para a proteção dos seus filhos e são para amenizar qualquer impacto que o carro possa sofrer, transmitindo para os ocupantes do veículo. Seja o bebê conforto, ou a cadeirinha ou o assento de elevação deve possuir o selo do (Inmetro), Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, pois é, este selo que confere qualidade e segurança aos produtos.

E nas motos, as crianças podem ser transportadas também?

Levar crianças que tenham menos de 7 anos de idade em motocicletas, é uma infração gravíssima, com penalidade de multa de R$ 191,54, 7 pontos na carteira, e até suspensão do direito de dirigir, além de recolhimento do documento de habilitação, já que nesta idade as crianças não tem condições de cuidar de sua própria segurança.

Quando elas alcançam a idade acima de 7 anos, podem ser transportadas em motocicletas desde que seja observado pelos pais ou responsáveis, que esta use capacete, acessórios e roupas adequadas ao seu tamanho, a fim de prevenir lesões mais graves nos casos de quedas, mas, também é preciso que tenham altura suficiente para manter os pés apoiados na pedaleira, e consigam manter-se agarradas ao piloto.

Post Relacionados

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Chave

cadeirinhas,
bebê conforto,
assentos de elevação,
segurança,
transporte de crianças,

-#cadeirinhas
-#bebêconforto
-#assentos deelevação
-#segurança
-#transportedecrianças

Existem diferenças entre motor turbo e aspirado?

Existem diferenças entre motor turbo e aspirado?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)
motor desenho turbo
MOTOR DESENHO TURBO

As diferenças entre motor turbo e aspirado

Muito se fala sobre o motor turbo, no entanto, como o assunto não é bem explorado várias dúvidas acabam surgindo. Razão deste post que pretende mostrar as diferenças entre motor turbo e aspirado. Então, é só acompanhar até o final para conhecer não apenas as diferenças como vantagens e, desvantagens!

motor perkins aspirado
MOTOR PERKINS ASPIRADO

Desde já, adiantamos que tanto um veículo com motor turbo ou aspirado, toda manutenção preventiva é a melhor alternativa para evitar gastos desnecessários. O mais indicado para ambos os veículos é levar a um local de confiança onde o serviço seja 100% garantido.

Atualmente o mercado oferece veículos de diferentes marcas e, modelos,

Nada melhor que levar ao Centro Automotivo 2 e 4 Rodas onde os funcionários são treinados para oferecer um serviço de qualidade e, preço justo!

Voltando as diferenças entre motor turbo e aspirado vale lembrar que o motor é o coração do veículo. Deve estar sempre alinhado, justo e sem falhas para garantir uma dirigibilidade perfeita. O objetivo principal do motor é transformar a energia térmica em mecânica a fim de garantir o funcionamento em alta potência.

motor retroescavadeira carterpilar
MOTOR RETROESCAVADEIRAS CARTEPILAR

Atualmente o mercado oferece veículos de diferentes marcas e, modelos, assim, como aspectos diferenciados entre tamanhos, designes e, potências. Como resultado é preciso entender as diferenças entre motor turbo e aspirado, explorar os aspectos, desvantagens e, vantagens, assim, pode escolher um veículo perfeito para compra.

Quer dizer que a escolha do veículo implica em analisar prós e contras em cada modelo. Tudo para ajudar na decisão entre álcool, gasolina, elétrico, híbrido, entre outros. Principalmente porque deve-se estar atento as regulamentações cada vez mais rigorosas em termos de emissões de poluentes dos veículos.

motor maritimo
MOTOR MARITIMO

Em vista disso, os fabricantes tiveram de continuar oferecendo a mesma potência aliada a poluição quase nula. Desse modo, o jeito foi substituir os motores aspirados por outros mais modernos e, eficientes como os turbo alimentados.

Isto tem sido aplicado não somente aos modelos mais esportivos, como também em veículos utilitários. Agora quanto as diferenças entre motor turbo e, aspirado, acompanhe o post até o final para entender melhor.

motor cartepilar trator de esteira
MOTOR CARTEPILAR TRATOR DE ESTEIRA

Quais as diferenças entre motor turbo e aspirado:

Entre as principais diferenças o destaque principal é quanto a potência de ambos;

Enquanto o aspirado suga o ar
a partir do deslocamento do pistão, a potência que apresenta é relativamente menor que a do motor turbo;

Sendo assim, possibilita o aumento da admissão de ar que é comprimido na turbina;

No entanto, para o motorista o motor aspirado oferece mais tranquilidade, dirigibilidade melhor e, com folga suficiente em marchas longas;

Quando o motor aspirado é convencional, assim, o ar chega aos cilindros pela pressão atmosférica, enquanto nos motores turbos, a turbina é usada para fornecer o ar pressurizado aproveitando os gases de escape;

Quer dizer que nos motores mais modernos, a pressão se eleva entre 0,5 e 1,5 bar em relação à pressão atmosférica;

Comparando o funcionamento de um motor ao outro, as diferenças que ocorrem são:

Os motores turbos precisam de uma manutenção muito mais completa que os aspirados, pois trabalham em temperaturas mais altas;

No caso de avarias o gasto com reparos é muito mais caro;

motor bmw aspirado
MOTOR BMW ASPIRADO

Sem dúvida, o motor turbo oferece maior desempenho

A atenção deve ser com às trocas de óleo a fim que todas as partes do motor estejam perfeitamente lubrificadas;

Sem dúvida, o motor turbo oferece maior desempenho, visto que mesmo dirigir em baixas e médias rotações, sempre é mais potente;

Já o motor aspirado mantém a potência mesmo em baixas e altas rotações, mas, não tanto quanto ao turbo;

No motor aspirado é possível dirigir com folga suficiente em marchas longas enquanto o turbo não;

Quanto ao consumo existem diferenças consideráveis entre o aspirado e o turbo;

Contudo, há controvérsias entre fabricantes. Alguns afirmam que a redução do consumo pode ser feita com um motor turbo. Enquanto outros afirmam que sempre gastam mais;

Na verdade, como o motor turbo oferece maior potência para atingir velocidade máxima, o custo do combustível será maior;

Enquanto os motores aspirados como não precisam de muita aceleração, o consumo é menor mesmo na potência máxima se comparado a um turbo;

motor aspirado de navio cargueiro
MOTOR ASPIRADO DE NAVIO CARGUEIRO

Motor aspirado o que é

Motor aspirado nada mais é que o veículo convencional, ou seja, o carro que mais se vê rodando pelas ruas;

Ao contrário do motor turbinado não sofre uma interferência externa para aumento da taxa dinâmica do motor, pois é contabilizada estaticamente;

Isto significa que o motor aspirado foi fabricado de maneira que ao final do ciclo de queima de ar/combustível consiga o mesmo desempenho determinado por curso de pistões, taxa de compressão e, diâmetro da câmara de combustão;

Ao acelerar para ganhar velocidade, o motor aspirado precisa do aumento do fluxo de ar e, combustível, circulando nas câmaras de combustão através do aumento da cilindrada;

Também é necessário a mudança no comando de válvulas a fim de permitir maior tempo de abertura para ingestão de combustível;

Além da ampliação do sistema de escape, diminuindo a restrição dos gases;

Embora os motores aspirados estejam com os dias contados para dar entrada ao turbo principalmente elétrico já foi muito explorado principalmente em carros esportivos;

Um dos motores aspirados mais famosos foi utilizado em um esportivo, foi o V8 Cosworth DFV em 1967, entrando para a história na terceira prova da temporada Fórmula 1;

car fiat engine piston valve car thumbnail
CAR FIAT ENGINE PISTON VALVE CAR THUMBNAIL

Existem enormes diferenças entre o turbo e o aspirado

Na realidade não existem enormes diferenças entre o turbo e o aspirado;

Além de que o motor aspirado inclui uma peça a menos e, com isso, um componente a menos que pode quebrar;

Contudo, os motores turbos incluem um reforço para que suportem a alta pressão criada ao funcionar;

Claro que ao dirigir um veículo que tem motor turbo, o motorista sente a direção mais agressiva e energética;

Já no caso do motor aspirado, a suavidade ao dirigir em qualquer velocidade pode fazer toda a diferença se comparado ao turbo;

Mesmo porque o motor aspirado mesmo quando o motorista acelera para ganhar potência, tudo que se ouve é um som limpo e suave, ao contrário do turbo;

Entre as vantagens e desvantagens podemos destacar que o motor aspirado tem menos risco de quebras;

Não altera o volume de ar/combustível queimado dentro da câmara de combustão, por isso, tem mais durabilidade;

De maneira idêntica, a durabilidade do motor turbo original de fábrica pode até ser igual ao de um aspirado, no entanto, necessita de maiores cuidados quanto a manutenção, principalmente nas trocas de óleo e, revisões periódicas;

Não esqueça, precisou levar o carro para uma manutenção preventiva ou não, a melhor opção é o Centro Automotivo 2 e 4 Rodas;

desenho do motor aspirado
DESENHO DO MOTOR ASPIRADO

O que é motor turbo

O motor turbo é a maneira mais ecologicamente correta do veículo lidar com os poluentes na atmosfera;

O objetivo do motor turbo é queimar o combustível de forma mais eficiente para alcançar uma maior explosão, proporcionando maior torque e potência, já que aproveita os gases de escapamento do mesmo motor;

Como o ar pressurizado é introduzido dentro da câmara de combustão, toda a energia que foi antes perdida pelo escapamento é utilizada de forma mais efetiva, inclusive diminuindo as emissões de carbono;

Até um tempo atrás, o motor turbo era utilizado somente em carros esportivos, mas, devido a eficiência observada, passou a ser utilizado também em carros convencionais, pois o consumo é equivalente ao de um motor 0.1 aspirado;

Ao contrário do aspirante, a tecnologia do motor turbo vem do fluxo gerado pela expulsão dos gases de escape;

Sendo assim, o que alimenta o turbo é a passagem dos gases resultantes da queima da mistura ar/combustível;

Devido à preocupação com a camada de ozônio, daqui a alguns anos os veículos precisam ser fabricados com menor emissão de gases poluentes;

Quer dizer que a maioria da frota será com motor turbo ou motor turbo elétrico movido por sistemas elétricos de 48 volts;

Embora o motor turbo seja uma tentação, vale o alerta que motores adaptados para turbo podem não ser tão perfeitos;

É porque motores turbos produzidos em fábrica oferecem um resultado X, mas, fazer essas modificações em oficinas mecânicas mesmo que especializadas no assunto, o resultado não é o mesmo;

Motor aspirado for modificado para turbo

Apenas para entender melhor:

Quando um veículo com motor aspirado for modificado para turbo, caso não seja potente, as chances de torná-lo mais potente são mínimas;

Porém, pode ter melhor desempenho nas estradas, embora um bom resultado vá depender das características de adaptação do turbo;

Mas, caso não tenha um veículo com motor de potência elevada, a melhor opção em vez modificar para turbo, é apostar na injeção de ar de alta pressão;

Se mesmo assim, deseja transformar motor aspirado em turbo existem alguns pontos a serem apontados;

Um deles é a durabilidade dos motores adaptados com turbo podem ser reduzidas, pois uma alteração malfeita vai comprometer o funcionamento, além de causar danos ou desgastes prematuros;

Portanto, aconselha-se a fazer uma análise antes de qualquer alteração no motor;

motor turbo de frente
MOTOR TURBO PRA FRENTE

Em contraste entre motor turbo e, aspirado, é preciso mencionar a importância quanto a injeção eletrônica, presente em todos os veículos zeros. É só para ter uma visão simples do cenário para que serve e, como funciona a injeção eletrônica de seu carro.

Quando se trata de injeção eletrônica, em primeiro lugar é preciso falar um pouquinho sobre o carburador. O antigo bom e velho carburador, era um componente mecânico no motor do carro. De fato, era o coração do veículo, visto que fazia exatamente a mistura do ar com o combustível para entrar dentro da câmara de combustão do motor e ser queimado.

O carburador foi utilizado por décadas

Em suma, o carburador foi utilizado por décadas e, funcionava de maneira simples. Era uma peça mecânica por onde o motor aspirava o ar e, que ao entrar no carburador através de componentes como o giclê, a quantidade de combustível era calibrada para o perfeito funcionamento. Um dos principais sintomas que o carburador não estava bem regulado, é que simplesmente afogava devido ao excesso de combustível.

O objetivo do carburador era promover a mistura perfeita para a queima do combustível dentro do motor. Já com a tecnologia veio a injeção eletrônica com a função de dosar a quantidade de ar combustível numa proporção exata
para não provocar falhas no motor. Contudo, caso o motor venha apresentar falhas principalmente ao acelerar, é provável que o combustível não seja de qualidade, ou seja, é adulterado. Por isso, atenção onde abastece o carro!

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Quanto aos gastos em ter um veículo com motor turbo, devido a necessidade de uma manutenção mais complexa se comparado ao motor aspirado, o custo é bem mais elevado. Então, veja as vantagens/desvantagens antes de adquirir para ter certeza se o investimento vale a pena!

Tipo do carro turbo ou aspirado

De qualquer maneira, qualquer que seja o tipo do carro turbo ou aspirado, a cada seis meses é necessário fazer uma manutenção preventiva, de preferência em locais renomados como no Centro Automotivo 2 e 4 Rodas.

Apenas para finalizar, devido ao aquecimento global as montadoras estão projetando cada vez mais motores que ofereçam uma potência excelente, mas, com poluentes zero.

Portanto, futuramente os motores aspirados serão substituídos pelos motores turbo, principalmente os turbo-elétricos. Serão perfeitos para um futuro sustentável com menor índice de poluentes na atmosfera conforme a legislação ambiental vigente em cada país!

Com o propósito em dar continuidade ao assunto, é interessante ler o próximo artigo que será postado ainda, neste mês, sobre O que é tecnologia embarcada.

TAGS:

CENTRO AUTOMOTIVO 2 E 4 RODAS,
MANUTENÇÃO PREVENTIVA,
QUAL A DIFERENÇA ENTRE MOTOR TURBO E ASPIRADO,
QUAL MOTOR DURA MAIS TURBO OU ASPIRADO,
MOTOR ASPIRADO O QUE É,
DIFERENÇA COMANDO TURBO E ASPIRADO,
MOTOR ASPIRADO VS NORMAL,
MOTOR ASPIRADO PREÇO,
O QUE É MOTOR TURBO,
COMO FAZER UM MOTOR ASPIRADO,
CARBURADOR,
GICLÊ,
COMBUSTÍVEL ADULTERADO,
INJEÇÃO ELETRONICA,
TECNOLOGIA EMBARCADA,
COLOU O GICLÊ,
O QUE É CARBURADOR,
CARBURADOR DESREGULADO SINTOMAS,
PARA QUE SERVE O GICLÊ DO CARBURADOR,
TECNOLOGIA EMBARCADA,
O QUE É TECNOLOGIA EMBARCADA,
TECNOLOGIA EMBARCADA O QUE É,
TECNOLOGIAS EMBARCADAS
TECNOLOGIA EMBARCADA SIGNIFICADO,

SISTEMA EMBARCADO

  • #turboJaguarXJR
  • #motorturbodefrente
  • #motorretroescavadeiracarterpilar
  • #motorperkinsaspirado
  • #motormaritimo
  • #motordesenhoturbo
  • #motorcartepilartratordeesteira
  • #motorbmwaspirado
  • #motoraspiradodenaviocargueiro
  • #desenhodomotoraspirado
  • #carfiatenginepistonvalvecarthumbnail
  • #CENTROAUTOMOTIVO2E4RODAS
  • #MANUTENÇÃOPREVENTIVA
  • #QUALADIFERENÇAENTREMOTORTURBOEASPIRADO
  • #QUALMOTORDURAMAISTURBOOUASPIRADO
  • #MOTORASPIRADOOQUEÉ
  • #DIFERENÇACOMANDOTURBOEASPIRADO
  • #MOTORASPIRADOVSNORMAL
  • #MOTORASPIRADOPREÇO
  • #OQUEÉMOTORTURBO
  • #COMOFAZERUMMOTORASPIRADO
  • #CARBURADOR
  • #GICLÊ
  • #COMBUSTÍVELADULTERADO
  • #INJEÇÃOELETRONICA
  • #TECNOLOGIAEMBARCADA
  • #COLOUOGICLÊ
  • #OQUEÉCARBURADOR
  • #CARBURADORDESREGULADOSINTOMAS
  • #PARAQUESERVEOGICLÊDOCARBURADOR
  • #TECNOLOGIAEMBARCADA
  • #OQUEÉTECNOLOGIAEMBARCADA
  • #TECNOLOGIAEMBARCADAOQUEÉ
  • #TECNOLOGIASEMBARCADAS
  • #TECNOLOGIAEMBARCADASIGNIFICADO
  • #SISTEMAEMBARCADO
Tração na dianteira e traseira, quais as diferenças

Tração na dianteira e traseira, quais as diferenças

Hoje em dia ter um carro com tração dianteira ou traseira, depende unicamente para qual finalidade o carro está sendo adquirido, visto haver vantagens e desvantagens, assim como opiniões contra ou a favor, o importante que cada um tenha um carro que atenda suas necessidades da melhor forma possível.

A história do 1º automóvel com tração dianteira

O 1º automóvel nacional fabricado com tração na frente, foi a perua DKW- Vemag Universal, no ano de 1956, na época só eram fabricados carros nacionais com tração nas rodas traseiras, para todos os tamanhos  de carros.

Os veículos eram fabricados com motores longitudinal na parte da frente do carro, e a tração era atrás, somente o DKW e posteriormente o Ford Corcel, é que deram início a fabricação com tração dianteira.

Até início dos anos 90, existia diferença de opiniões entre as pessoas, ano em que o último carro fabricado com tração traseira, deixou de ser fabricado, o Chevrolet Ômega, e de alguns anos para cá, somente picapes e utilitários esportivos é que são fabricados com tração dianteira.

A partir dos anos 60 a indústria norte americana resolveu investir em massa na tração dianteira, principalmente em carros grandes fabricados com motores V8, como foi o Oldsmobile Toronado, 7,0 litros e também o Cadillac Eldorado de 8,2 litros, a ideia era de melhorar a dirigibilidade, principalmente em casos de intempéries, onde o veículo perdia a aderência ao solo.

Houve no entanto, modelos de carros com tração dianteira que foram bem-aceitos, como o Citroen Traction Avant, e também o Mini inglês de 1959, fabricado com tração dianteira, motor transversal, com as rodas pequenas, devido ao espaço interno que embora fosse mini, era bem maior em relação a outros na mesma época, foi considerado o precursor quanto ao design do modelo, o que tempos depois, foi largamente copiado por diversas outras montadoras.

Veículos como BMW, Ferrari, Maserati, e Porsche sempre foram fabricados com a tração traseira, já a Aston, Martin, Jaguar, e Mercedes-Bens  foram fabricados com tração dianteiras somente na fabricação de carros de menor potência/porte.

Outros veículos potentes e esportivos como Chevrolet, Cadillac, Chrysler/Dodge, Ford, Infiniti, e Lexus foram fabricados com tração traseira, e na Austrália também a Ford e a Holden(General Motors).

Como funciona a tração do automóvel

O motor do veículo gera a tração que é passada para as rodas, através de transmissão, se for tração dianteira, a força do veículo é depositada nas rodas da frente, nesse caso as rodas traseiras apenas completam o movimento na sequência, e nos casos de veículos com tração traseira, a força são nas rodas de trás.

Tração dianteira e suas vantagens e desvantagens

Em grande parte dos veículos de passeios, a tração utilizada é a dianteira, a qual segundo especialistas, promove a melhor dirigibilidade ao motorista, pois, a perda de potência do motor é menor, além, de ser possível ter maior espaço interno dentro do veículo, uma vez que não há necessidades de acomodar o cardã no eixo traseiro já que a força do motor está na parte da frente. Para os veículos que tem tração traseira, a aderência maior ao solo, pode ser notada em ladeiras, ou, com o veículo carregado, ou, ainda em carros potentes, e esportivos.

Tração traseira e suas vantagens e desvantagens

Especialistas no assunto, garantem, que podem haver problemas para alguns motoristas, pois, as vezes, dependendo da velocidade, ou da arrancada, pode ocorrer do carro sair de traseira, o que dependeria da habilidade do motorista, em colocá-lo novamente no rumo certo, como acontece na fórmula 1, a prática do piloto, exige que o volante seja virado do lado contrário a curva desejada.

Alguns outros pontos negativos sobre a tração traseira, é pelo fato de haver maior gasto de combustível, visto que há uma perda de potência do motor, pois, o cardã tem que levar a força do motor que está na frente do veículo, para as rodas traseiras, com isso, além do espaço interno ser reduzido, torna o carro muito mais pesado.

Post Relacionados

Palavras Chave

dianteira e traseira,
corcel 1 tração traseira ou dianteira,
carros com tração dianteira,
tração dianteira,
tração traseira,
diferença entre tração dainteira e traseira,
carro com tração traseira,
carro tração traseira,
carro 4×4,
tração 4×4,

-#dianteiraetraseira
-#corcel1traçãotraseiraoudianteira
-#carroscomtraçãodianteira
-#traçãodianteira
-#traçãotraseira
-#diferençaentretraçãodainteiraetraseira
-#carrocomtraçãotraseira
-#carrotraçãotraseira
-#carro4x4
-#tração4x4

Conheça a Sindirepa-RJ e sua luta pelo seu setor

Conheça a Sindirepa-RJ e sua luta pelo seu setor

O que é SINDIREPA-RJ

Fundada em l951, o Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Rio de Janeiro (SINDEREPA) e que representa também o segmento de empresas convertedores de gás natural veicular, chega no ano de 2008, reunindo em seu currículo diversas realizações. Na maioria, projetos que nasceram sob a batuta da parceria,  e que resultaram em compromissos sérios canalizados diretamente aos nossos associados.

A partir desse momento, com o sindicato voltando a ter em sua liderança a quem de direito é do setor, com  a sua administração toda reformulada ou seja, moldada em função das necessidades de seus associados, formada inteiramente por empresários do setor de reparação é que informado aos associados do sindicato que será prestado o o melhor serviço, tendo sempre a eficiência e a transparência dos atos como objetivo.

Já foi criado e está em ação com uma  pauta de ações focadas para os interesses dos associados. Nesse ínterim, é enumerado aqui os excelentes resultados que são obtidos com as novas seguradoras mesmo sem estar efetivamente a frente da entidade, uma conquista da chapa do Novo SINDIREPA: os contratos se  mostraram aceitáveis pelas partes envolvidas, pagamento de atividades acessórias, formação de comitês para discutir custos e outras que o sindicato estará divulgando em boletim informativo.

Já deram início nas negociações coletivas, com a meta de fechar com todo o Estado do Rio de Janeiro, nessa oportunidade, os envolvidos puderam definir ainda os convênios com as empresas de assistência médica e de seguro.

No segmento funilaria e pintura, o SINDIREPA esta marcando presence constant nas reuniões do setor em diversas cidades do Brasil, assinando convênios de extrema importância que dará o retorno satisfatório para o negócio.

Importante  observar  que o SINDIREPA trabalha também em parceria com o Senai. Para isto, através dessa parceria o sindicato irá manter uma grade de cursos de capacitação profissional que atende os interesses do mercado de reparação, funilaria e pintura e, principalmente, de mecânicos que procuram se especializar no setor de conversão de gás natural veicular (GNV).

Quem a SINDIREPA-RJ representa?

Na história da indústria de reparação automotiva no Brasil, o SINDIREPA teve dois momentos: o antes e o depois. Quando criada, em 1 de novembro de l951, a entidade ganhou uma representação municipal: Sindicato da Indústria de Reparação  de Veículos e Acessórios do Município do Rio de Janeiro.  Trinta e quatro anos depois, o sindicato passou a marcar sua expansão e a atuar em todo o estado. A partir daí, a razão social mudou para Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado do Rio de Janeiro.

Ao obter o status de representação estadual, a entidade passou a ser conduzida pelas mãos do, então presidente da casa, senhor Nicolau Carapetcov. O sindicato se estabeleceu na Rua Churchil – RJ. Foi nesta fase que a entidade passou a desenvolver seu trabalho na área sindical, passando a representar  toda a categoria automotiva do Estado do Rio.

A partir daí, a parceria do SINDIREPA com o Senai RJ deu um novo rumo à história da instituição, como também a do  Estado do Rio: foram criados os primeiros cursos de mecânica na região. Com isso, as oficinas que buscavam formação e especialização para os seus profissionais deixaram de recorrer aos cursos em São Paulo e passaram a priorizar os estabelecimentos do Rio. Vale lembrar que, na década de 80, havia ainda uma crise muito grande de mecânicos no mercado.

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Gestão do SINDIREPA-RJ

A partir de agosto de 2013, com a  posse do novo presidente, foi disseminada uma nova filosofia de trabalho. Partiu desta gestão a necessidade de zerar dívidas e desenvolver ações mais dinâmicas, que estabeleçam um compromisso maior com o futuro  da categoria. O sindicato não poderia pensar somente no presente ou acreditar que é um setor falido, influenciados pelo desânimo da gestão anterior.

Com esse novo pensamento, e com o trabalho eficiente da nova administração, o sindicato tem como meta se restabelecer em um prazo máximo de seis meses, com sua sede e funcionários.

Atualmente, o SINDIREPA-RJ é um órgão que congrega todas as empresas, microempresas e autônomos atuantes no setor de reparação e acessórios automotivos do Estado do Rio. Filiada também ao SINDIREPA Nacional, a entidade conta com mais de nove mil oficinas cadastradas em todo o estado.

Inicialmente, o sindicato, quando agia, o fazia apenas como entidade de proteção legal da categoria. Mas, com o avanço tecnológico e um mercado com clientes cada vez mais exigentes, novos projetos ampliaram os serviços oferecidos aos associados.

O sindicato terá, a partir de agora, um centro de estudos, debate e preparação para o setor de reparação. Esta infraestrutura tem como finalidade  atender aos que buscam especialização e qualificação. A entidade passará também a dar atenção aos serviços prestados pelos seus filiados. A medida integra novos projetos desta gestão, que visam não só o resultado final da empresa, mas um  compromisso com orçamentos dentro dos custos esperados.

O sindicato acredita que a única maneira de ganhar posição no mercado, e não ser ultrapassado pela concorrência, é através de constante atualização. É importante que as empresas de reparação, com seus  donos e funcionários, estejam sempre aptas a prestar serviços de credibilidade e, acima de tudo, qualidade e segurança.

A exemplo disso, o sindicato continua a promover em sua sede, e nas diversas unidades do Senai distribuídas pelo estado, cursos práticos e teóricos, ministrados por técnicos que atuam ou já atuaram em fábricas e montadoras e empresas geradoras de sistemas pós-vendas. Deste modo, profissionais de todos os estados podem acompanhar  as evoluções tecnológicas no setor automotivo, ajustando seus equipamentos, serviços e atendimento à nova realidade de mercado de reparação.

O SINDIREPA-RJ  busca cumprir fielmente os objetivos de  seus projetos, mas não para por aí. A entidade quer firmar novas parcerias, a fim de proporcionar aos associados atualização tecnológica, redução de custos na manutenção de suas oficinas e nos planos de saúde, além de tranquilidade  familiar, entre outros benefícios.

Participe! Atue junto com o SINDIREPA-RJ, contribuindo para a construção de um sindicato como realmente você gostaria que fosse.

Para mais informações acesse sindirepa.org.br

Post relacionados

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras relacionadas

sindirepa rj,
curso de funilaria e pintura rj,
sindicato dos mecanicos de automoveis rj,
sindirepa nacional,
sindicato de funilaria e pintura de automóveis,
sindicato pintura automotiva,
sinderepa,
curso de funilaria e pintura senai,
sindirepa,

-#sindireparj
-#cursodefunilariaepinturarj
-#sindicatodosmecanicosdeautomoveisrj
-#sindirepanacional
-#sindicatodefunilariaepinturadeautomóveis
-#sindicatopinturaautomotiva
-#sinderepa
-#cursodefunilariaepinturasenai
-#sindirepa

Conheça o SINCOPEÇAS de São Paulo

Conheça o SINCOPEÇAS de São Paulo

O que é SINCOPEÇAS-SP?

A história do Sindicato do Comércio Varejista de Peças e Acessórios para Veículos no Estado de São Paulo, o SINCOPEÇAS, começou a ser escrita décadas atrás, quando um grupo de abnegados empresários paulistas resolveu criar uma entidade que representasse os interesses da categoria e estimulasse o desenvolvimento do setor e assim foi feito. Nesses anos todos, seguindo a linha mestra traçada por aqueles homens de visão, o SINCOPEÇAS tem participado ativamente da vida do segmento varejista de autopeças: combativo e influente, seus passos têm trilhado a estrada da modernidade, a marca registrada das grandes associações de classe. Tem, também ajudado a promover o aperfeiçoamento operacional, a defesa e a coordenação de interesses econômicos e profissionais de centenas de associados.

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

A história do SINCOPEÇAS-SP

A data oficial é maio de 1941, ano em que o governo Vargas reconheceu oficialmente a entidade, mas, conta a história, três anos antes vinte comerciantes autônomos de automóveis passaram a se reunir na capital paulista com a ideia de criar um sindicato para o setor varejista. Tanto que o SINCOPEÇAS nasceu como Sindicato dos Comerciantes de Automóveis e Acessórios de São Paulo. Até 1948, quando ganhou a denominação Sindicato do Comércio Varejista de Automóveis e Acessórios do Estado de São Paulo, sua atuação restringia-se à cidade de São Paulo.

Nova mudança de nome , desta feita em 1974, quando passou a chamar-se Sindicato do Comércio Varejista de Acessórios para Veículos no Estado de São Paulo. Cinco anos mais tarde ganhou o nome definitivo de Sindicato do Comércio Varejista de Peças e Acessórios para Veículos no Estado de São Paulo. Nesse largo espaço de tempo, contado desde 1938, o SINCOPEÇAS teve onze presidentes:

Qual é a missão do SINCOPEÇAS-SP?

O trabalho da entidade contempla a defesa do comércio independente da autopeça, pois dele dependem os consumidores de todas as regiões brasileiras, mesmo as mais afastadas. Todos os varejistas do setor têm seus interesses amparados pelo SINCOPEÇAS, desde pequenos lojistas estabelecidos nas pequeninas cidades do interior, até o grande comércio de componentes em funcionamento nos grandes centros urbanos.

Área de atuação do SINCOPEÇAS-SP

O campo de atuação do SINCOPEÇAS, limitado ao Estado de São Paulo, aloja um segmento empresarial de grande importância no contexto econômico nacional talvez o mais importante de todos. A região abriga um universo de 24.500 estabelecimentos especializados na venda de autopeças (65% deles localizados na capital e ABC), rede comercial que emprega perto de 250 mil pessoas e é responsável por uma expressiva fatia do movimento financeiro das fábricas de componentes automotivos.

Missão e Visão do sindicato

Missão do SINCOPEÇAS “Trabalhar para o desenvolvimento, o fortalecimento e articulação do varejo de autopeças através da
representatividade política e da prestação de serviços.”

Visão “Ser referência de atividade sindical perante seus pares e a sociedade em geral.”

Princípios do SINCOPEÇAS-SP

Ética: Respeitar os interesses da sociedade acima dos interesses econômicos e classistas.

Transparência: Como balizador de todas as relações com a sociedade e de seus processos internos.

Qualidade: A busca permanente por respeito aos seus contribuintes e a sociedade em geral.

Imagem: Zelar pela imagem do Sindicato.

Bandeiras do SINCOPEÇAS

  • Racionalização tributária
  • Otimização do ambiente de negócios
  • Fortalecimento da representatividade
  • Liberdade individual e coletiva na relação capital x trabalho
  • Combate à informalidade e luta pela longevidade das empresas
  • Isonomia de MVA entre mercado independente e de montadora na reposição de autopeças

Todas as informações desse post foram retiradas do próprio site, para mais informação acesse: portaldaautopeca.com.br

Post mais recentes

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Palavras Relacionadas

sincopeças,
francisco wagner de la torre,
sindicato sincopeças sp,
sincopeças abc,
sincopecas,
sindicatos de peças automotivas,
peças automotivas,
sindicato automotivos,
sincopeças peças automotivas,

-#sincopeças
-#franciscowagnerdelatorre
-#sindicatosincopeçassp
-#sincopeçasabc
-#sincopecas
-#sindicatosdepeçasautomotivas
-#peçasautomotivas
-#sindicatoautomotivos
-#sincopeçaspeçasautomotivas

Lei dos Faróis Baixos Obrigatórios Lei 13.290/2016

Lei dos Faróis Baixos Obrigatórios Lei 13.290/2016

Começa a valer a partir de 7 de Julho a obrigatoriedade de todos os motoristas no Brasil inteiro, trafegarem pelas rodovias com o farol baixo sempre aceso, isso, vale inclusive para os dias ensolarados!

Essa medida foi aprovada pelo Senado Federal no último mês de abril conforme projeto de lei 156/2015, assim, o motorista que não acatar a ordem de trafegar sempre com o farol baixo aceso, pode ser punido com uma infração média, perder 4 pontos na CNH e ainda, terá de desembolsar R$ 85,13.

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Artigo 244 da Lei nº 9.503 de 23 de Setembro de 1997

Revisamos este Item em 2021 –

Artigo 244 da Lei nº 9.503 de 23 de Setembro de 1997

Valor da multa por infração gravíssima é de R$ 293,47 em 23/02/2021 consulte os valores atuais aqui

Institui o Código de Trânsito Brasileiro.
Ver legislação completa
Art. 244. Conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor:
I – sem usar capacete de segurança com viseira ou óculos de proteção e vestuário de acordo com as normas e especificações aprovadas pelo CONTRAN;
II – transportando passageiro sem o capacete de segurança, na forma estabelecida no inciso anterior, ou fora do assento suplementar colocado atrás do condutor ou em carro lateral;
III – fazendo malabarismo ou equilibrando-se apenas em uma roda;

IV – com os faróis apagados;  infração gravíssima 

V – transportando criança menor de sete anos ou que não tenha, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança:
Infração – gravíssima;
Penalidade – multa e suspensão do direito de dirigir;
Medida administrativa – Recolhimento do documento de habilitação;
VI – rebocando outro veículo;
VII – sem segurar o guidom com ambas as mãos, salvo eventualmente para indicação de manobras;
VIII – transportando carga incompatível com suas especificações:
(Revogado)
Infração – média;
(Revogado)
Penalidade – multa.
(Revogado)
VIII – transportando carga incompatível com suas especificações ou em desacordo com o previsto no § 2o do art. 139-A desta Lei; (Incluído pela Lei nº 12.009, de 2009)
IX – efetuando transporte remunerado de mercadorias em desacordo com o previsto no art. 139-A desta Lei ou com as normas que regem a atividade profissional dos mototaxistas: (Incluído pela Lei nº 12.009, de 2009)
Infração – grave; (Incluído pela Lei nº 12.009, de 2009)
Penalidade – multa; (Incluído pela Lei nº 12.009, de 2009)
Medida administrativa – apreensão do veículo para regularização. (Incluído pela Lei nº 12.009, de 2009)
§ 1º Para ciclos aplica-se o disposto nos incisos III, VII e VIII, além de:
a) conduzir passageiro fora da garupa ou do assento especial a ele destinado;
b) transitar em vias de trânsito rápido ou rodovias, salvo onde houver acostamento ou faixas de rolamento próprias;
c) transportar crianças que não tenham, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança.
§ 2º Aplica-se aos ciclomotores o disposto na alínea b do parágrafo anterior:
Infração – média;
Penalidade – multa.
§ 3o A restrição imposta pelo inciso VI do caput deste artigo não se aplica às motocicletas e motonetas que tracionem semi-reboques especialmente projetados para esse fim e devidamente homologados pelo órgão competente. (Incluído pela Lei nº 10.517, de 2002)

multa farol desligado
multa farol desligado

Para quem estiver pensando que este valor é baixo e, vale a pena arriscar, é bom que saiba que a partir de Novembro, esse valor sobe para R$ 103,16, mas, por sorte, continua valendo apenas 4 pontos na carteira de habilitação!

Dessa forma, a nova lei 13.290/2016 altera os artigos 40 e 250 do Código de Trânsito Brasileiro, com as seguintes alterações:

Art. 40. O uso de luzes em veículo obedecerá as seguintes determinações:

I – O condutor manterá acesos os faróis do veículo, utilizando luz baixa, durante a noite e durante o dia nos túneis providos de iluminação pública e nas rodovias;

Diferenca farol milha baixo
Diferenca farol milha baixo

Art. 250. Quando o veículo estiver em movimento:

I – Deixar de manter acesa a luz baixa:

a) Durante a noite

b) De dia, nos túneis providos de iluminação pública e nas rodovias;

c) De dia e de noite, tratando-se de veículo de transporte coletivo de passageiros, circulando em faixas ou pistas a eles destinadas;

d) De dia e de noite, tratando-se de ciclomotores;

Farol Baixo durante o Dia
Farol Baixo durante o Dia

Criada para aumentar a segurança nas rodovias

A ideia da nova Lei do Farol baixo foi criada para aumentar a segurança nas rodovias, pois, trata-se de uma medida simples e sem custo significativo, que deve contribuir para a redução de colisões frontais em rodovias, e assim, reduzir a quantidade de mortes nesses tipos de acidentes, visto serem consideradas a principal causa de mortes em rodovias de pistas simples.

Vale lembrar que antes desta lei ser aprovada, trafegar com o farol baixo aceso era exigido somente para os veículos rodarem durante a noite e ao passar pelos túneis em qualquer hora do dia, já nos casos das motos, o uso das luzes sempre foi obrigatório durante o dia e a noite.

[email protected]

uso de luzes em veículo

mestres do transito
mestres do transito

Departamento Nacional de Trânsito (Denatran)

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), reforça que essa medida está valendo para qualquer tipo de rodovia, inclusive aquelas que passam por trechos urbanos e também em túneis com iluminação pública.

Em outros países esta medida é aplicada há anos, inclusive, carros mais avançados estão saindo de fábrica sem opção em desligar o farol baixo, já que estudos nesses países comprovam que a mortalidade em acidentes foi reduzida em 250 mil/ano!

lei da luz baixa
lei da luz baixa

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

mestres do transito

Farol Baixo durante o Dia,
mestres do transito,
regulagem de farol rj,
qual a importância da regulagem dos faróis?,
regulagem de farol,
regulagem de farois automotivos,
regulagem de farois,
oficina regulagem farol,
alinhamento de farol rj,
regulagem de faróis,
regulagem de farol preço,
regulagem dos farois,
alinhador de farol automotivo,
regulagem de farois automotivos rj,
regulagem de faróis automotivos,
alinhamento de farois,
mundo dos farois,
regulagem de farol rio de janeiro,
alinhamento de farol,
alinhador de faróis,
alinhador de farois,
regular farois,
Lei 13.290,
Lei dos Faróis Baixos,
uso de luzes em veículo,

mundo dos farois

-#regulagemdefarolrj
-#qualaimportânciadaregulagemdosfaróis?
-#regulagemdefarol
-#regulagemdefaroisautomotivos
-#regulagemdefarois
-#oficinaregulagemfarol
-#alinhamentodefarolrj
-#regulagemdefaróis
-#regulagemdefarolpreço
-#regulagemdosfarois
-#alinhadordefarolautomotivo
-#regulagemdefaroisautomotivosrj
-#regulagemdefaróisautomotivos
-#alinhamentodefarois
-#mundodosfarois
-#regulagemdefarolriodejaneiro
-#alinhamentodefarol
-#alinhadordefaróis
-#alinhadordefarois
-#regularfarois

O monotrilho é melhor ou pior que o metrô?

O monotrilho é melhor ou pior que o metrô?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Qual é o mais barato, monotrilho ou metrô

Se comparar os lugares em que se tem monotrilhos e metrô, o primeiro meio se mostra sendo mais barato. A razão do valor do investimento ser menor, comparado ao do metrô, é devido ter uma estrutura mais simples, visto que as linhas são apenas aéreas e não subterrâneas, por isso, quando demoram mais que o previsto, pode significar problemas de planejamento ou na execução das obras.

Com o aumento na circulação de carros nas cidades, o trânsito se torna cada vez mais caótico, com piores tráfegos a cada momento. A implementação do sistema de monotrilho é uma das soluções para essas cidades ou metrópoles que perdem dinheiro com a ineficiência do trânsito. Além do preço ser mais competitivo com valores do metrô comum.

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Rapidez da construção

Outro fator favorável na implantação de monotrilho em grandes cidades é que além de ter o custo mais baixo, também podem ser construídos com mais rapidez que as linhas de metrô. Contudo, alguns problemas sempre irão apareces ao longo do serviço.

Esses imprevistos, que podem ser encontrados até o término da obra, são erros de planejamento, mudanças no projetos – adaptações, imprevistos, licenças ambientais, recursos contra o resultado de licitações, entre outros que acabam prorrogando o cronograma das obras, problemas corriqueiros quando se trata de administração pública.

Vantagens dos monotrilhos

  • Uma grande vantagem é a necessidade de espaço menor, tanto na horizontal como na vertical;
  • No monotrilho, a largura dos trilhos são determinadas pelo tamanho do veículo e não pelo tamanho da linha;
  • Os monotrilhos são sustentados em pilares, ficando suspensos no ar e ocupando menos espaços no chão;
  • Eles são mais silenciosos por rodarem sobre pneus de borracha, diminuindo o a trito entre as rodas de ferro com os trilhos;
  • Possuem uma mobilidade mas flexível, podendo subir, virar e descer com mais rapidez que trens tradicionais;
  • São considerados mais seguros por não descarrilharem, não se chocam com outros veículos em trânsito e não atropelam pedestres;
  • São mais baratos e mais fáceis de construir, comparados aos sistemas de metrôs;

Desvantagens do monotrilho

 A grande desvantagem, se podemos chamar assim, é no caso de pane, pois não existem plataformas de desembarques,  assim os passageiros precisam ficar esperando, calmamente o resgate chegar.

Post relacionados

Como funciona o monotrilho

O Monorail, como também é conhecido, é tipo uma ferrovia onde o trem corre somente sobre um único trilho, enquanto que o trem e o metrô tradicionais, correm sobre 12 trilhos paralelos. Um exemplo de que o monotrilho é a solução para o trânsito caótico está na Alemanha, onde tem um dos monotrilhos mais antigos do mundo, em Wuppertal, o surpreendente é que a construção é datada de 1901, e ainda está em funcionamento no vídeo abaixo.

Existem basicamente dois tipos, ou sistemas para os monotrilhos, os suspensos, onde os carros estão localizados debaixo do trilho e os que estão por cima dos trilhos. Já o modelo mais comum é aquele que o veículo encaixa-se no trilho. E ainda existe outro modelo no qual as rodas são colocadas dentro do trilho. É importante dizer que os monotrilhos utilizam energia elétrica para se moverem. Eles não possuem rodas de ferro como o trem ou metrô, ai invés disso, tem pneus que rolam por cima e pelos lados do trilho, de forma a fazer movimentar e estabilizar o vagão.

A definição monotrilho é porque se move sobre uma viga que não possui trilho. O fato curioso é que o monotrilho está conectado a dois trilhos laterais, onde existe a alimentação elétrica. E mesmo rodando sobre pneus, eles não deixam de serem vistos como trens. No entanto que, em Paris, o metrô tem algumas linhas onde os trens funcionam com pneus. Isso facilita passar pelas vias que tem aclives, declives e até curvas mais fortes.

Em outros países, como a China, algumas cidades optaram pelo monotrilho em vez do sistema tradicional, em razão da capacidade da linha, incluindo tamanho dos trens, velocidade e intervalo entre eles serem superiores.

Palavras Chaves:

  • #comofuncionaomonotrilho
  • #monotrilhocomofunciona
  • #monotrilho
  • #tremtempneu
  • #comofuncionaasrodasdomonotrilho
  • #metromonotrilho
  • #oqueémonotrilho
  • #quaisasvantagensdometrô
  • #metrooumetrô
  • #pneudomonotrilho
  • #vantagensdometrô
  • #monoreladalah
  • #metrotemroda
  • #monotrilhoparado
  • #comofuncionaomonotrilhodesp
  • #monotrilhos
  • #metropneuparis
  • #pneumonotrilho
  • #oquemetro

Nota Imagens meramente ilustrativas. Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da Hulk Equipamentos Automotivos Ltda ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público. Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito. Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas. Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados. Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade. Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu veículo.

youtube logo 2e4rodas

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Conheça Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região

Conheça Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região

O que é o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região , um dos mais antigos sindicatos de Joinville (SC), foi fundado em 1 de Outubro de 1959 ainda sob a denominação de Associação Profissional dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas e do Material Elétrico de Joinville, recebendo a Carta Sindical em 24 de Agosto de 1961. Cerca de 40 trabalhadores fundaram o Sindicato em uma época de transformações econômicas profundas no país. Foi neste período que a industrialização começou a tomar corpo no Brasil, Brasília foi construída e inaugurada, a televisão começou a fazer parte do cotidiano do brasileiro que antes só tinha como meios de informação o rádio e o jornal impresso. A área de abrangência do Sindicato são as cidades de Joinville, Garuva, Araquari, São João do Itaperiú, Campo Alegre, São Bento do Sul, Rio Negrinho, Mafra, Itaiópolis, Itapoá, São Francisco do Sul, Barra do Sul e Barra Velha.

Com muito esforço e abnegação dos seus fundadores e associados, aos poucos o Sindicato dos Mecânicos foi crescendo. A primeira sede foi instalada em uma pequena sala alugada onde hoje está situada a Caixa Econômica Federal, na esquina das ruas Três de Maio e do Príncipe, no centro da cidade. Com apenas 11 anos de existência e muita determinação da diretoria e associados, o Sindicato adquiriu sua sede própria, onde continua até hoje, na rua Luiz Niemeyer, 184 – Centro. Durante essas três décadas e meia, várias alterações foram sendo efetivadas, com ampliações e melhorias.

Onde o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região atua?

Hoje a sede do Sindicato é ampla e confortável, oferecendo espaços para atendimento médico e odontológico, auditório para 500 pessoas, salas de reuniões, assessoria jurídica, cozinha, banheiros, sala de atendimento aos associados, dispensa, espaço da Câmara de conciliação e amplo estacionamento exclusivo para os associados. São mais de 40 anos de muita história pelos direitos dos trabalhadores, muitas conquistas e lutas que consolidaram o Sindicato dos Mecânicos como um dos mais atuantes de Santa Catarina.

Além da sede central, hoje o Sindicato tem um Centro Esportivo e Recreativo localizado na rua Rui Barbosa, 495 – bairro Costa e Silva, e também uma Colônia de Férias na praia de Itaguaçú, município de São Francisco do Sul (SC), oferecendo toda uma estrutura de lazer e recreação para mais de 3,5 mil associados.

Periodicamente, toda esta estrutura passa por constantes reformas e melhorias para modernização e manutenção, visando garantir o patrimônio e o bem estar dos trabalhadores que são a razão da existência do Sindicato.

Quais são os princípios do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região

  • Independência de Classe
  • Autonomia frente ao Estado, Patrões, Partidos Políticos e Credos Religiosos
  • Democracia e participação dos associados nas ações e decisões
  • Combatividade em defesa dos interesses históricos e imediatos dos trabalhadores
  • Organização e educação como instrumentos de luta
  • Internacionalismo proletário
  • Luta pelo fim da exploração do homem pelo homem

 Quais são as prerrogativas do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias e Oficinas Mecânicas de Joinville e Região:

  • Representar, proteger, reivindicar, coordenar e defender os interesses gerais da categoria, bem como os interesses individuais e coletivos dos seus associados, inclusive em questões judiciais e administrativas.

Além disso, o Sindicato pode celebrar convenções, acordos e contratos coletivos de trabalho aplicáveis a categoria e, quando necessário, requerer a instauração de dissídio coletivo. A história do movimento sindical no Estado e notadamente na região norte de Santa Catarina, não pode ser contada sem a participação forte e decisiva do Sindicato dos Mecânicos. Em vários momentos a entidade esteve à frente da luta por melhores salários, condições de trabalho e valorização do trabalhador.

 

Joinville – SC
Rua Luiz Niemeyer, 184 – Centro
Joinville | Santa Catarina
CEP: 89201-060
Fone: 47 3027-1183

São Bento do Sul – SC
Estrada Rio Negro, 89 sala 1 – Centro
São Bento do Sul / Santa Catarina
Fone: (47) 36262205

Dúvidas jurídicas, marcação de consultas e outros: [email protected]

Para atendimento médico, odontológico: [email protected]

Para conciliação trabalhista e outros assuntos: [email protected]

Para esclarecimentos sobre acordos coletivos, assembleias e afins: [email protected]

Sobre colônia de férias, quadras no centro esportivo: [email protected]

Para denunciar, sugerir ou criticar: [email protected]

Contatos: twitter.com/sindmecanicos

sindmecanicos.com.br/

www.facebook.com/sindmecanicos/

FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que é SindMecânicos ?

sindimecanicos, em primeiro lugar sindicato dos mecanicos joinville, apesar de sindicato dos mecânicos de joinville, se auto center joinville, igualmente auto center garuva, ou auto center barra velha, então sindicato dos mecânicos joinville.

Como entrar em contato com o SindMecânicos?

# sindimecanicos,# sindicato dos mecanicos joinville,# sindicato dos mecânicos de joinville,# auto center joinville,# auto center garuva,# auto center barra velha,# sindicato dos mecânicos joinville.

Sistema de Resfriamento do Veículo

Sistema de Resfriamento do Veículo

Sistema de Arrefecimento do Veículo

O Sistema de Arrefecimento, ou, sistema de resfriamento do veículo, é o responsável por controlar a temperatura do motor a explosão, ou, a combustão do motor, como é popularmente conhecido, garantindo assim, maior desempenho e durabilidade.

 

Para que serve o líquido ou fluído de Arrefecimento

O Sistema de Arrefecimento funciona através do abastecimento no reservatório, de líquidos, ou fluídos específicos, indicados pelo fabricante do veículo,  devendo ser ainda observado, que alguns fluídos, devem ser utilizados puros, enquanto outros devem ser diluídos em água.

 

Objetivo do Sistema de Arrefecimento

Para veículos fabricados com gerenciamento eletrônico do motor, o Sistema de Arrefecimento tem por objetivo, sempre que houver alteração de temperatura, automaticamente a quantidade de combustível a ser injetado e também o ponto de ignição, são adaptados a nova temperatura, contribuindo para não afetar o desempenho do veículo.

 

fluido arrefecimento portugues-comprimida-400x332
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320

Vantagens do Sistema de Arrefecimento

A adaptação da temperatura é para garantir ao Sistema de Arrefecimento, que o motor continue trabalhando mesmo com a variação de temperatura, garantindo assim, maior durabilidade, menos atrito, menor desgaste, prolongando a vida útil do motor, evitando assim, manutenções desnecessárias.

 

Sistema de Arrefecimento e o Meio Ambiente

O Sistema de Arrefecimento, representa economia de combustível, melhora no desempenho, ajudando ainda, a preservação do meio ambiente, pois evita a emissão de poluentes.

 

Componentes do Sistema de Arrefecimento

O Sistema de Arrefecimento é composto por vários itens como segue:

  • Líquido de Arrefecimento
  • Bomba
  • Radiador
  • Válvula Termostática
  • Sistema de Ventilação Forçada
  • Mangueiras
  • Sensor de Temperatura
  • Tanque de Expansão
  • Termo Interruptor

 

sistema arrefecimento sistema de resfriamento portugues-comprimida-400x300

Como funciona o Sistema de Arrefecimento

O funcionamento é feito através do líquido que circula pela sistema, e enquanto a temperatura não subir o suficiente, a válvula termostática não libera o líquido para o radiador, forçando a circulação da sistema e através das galerias internas do motor.

 

Temperatura alta do Motor

Já ao atingir uma temperatura mais alta, a válvula abre rapidamente e parte do líquido é transferido para o radiador. Somente quando a temperatura do motor chegar ao limite máximo, é que o restante do líquido será liberado totalmente para o radiador.

 

Como o Motor reduz a Temperatura

O líquido por sua vez, tem a finalidade de minimizar o calor no motor, o qual será expelido, através do funcionamento da ventilação, até atingir a temperatura ideal novamente, e após a temperatura normalizada, o líquido retorna, e será liberado somente na próxima vez em que a temperatura subir.

 

Manutenção do Sistema de Arrefecimento

O Sistema de Arrefecimento deve ser checado semanalmente, através de verificação do nível do fluido, que é composto de aditivos e água, afim de manter o veículo com a temperatura ideal para o bom desempenho do motor.

 

Importância do Líquido de Arrefecimento

É importante manter o nível do líquido de Arrefecimento, pois além de proporcionar economia de combustível, previne ainda, corrosão, impregnação, diminuição do ponto de ebulição do líquido, ressecamento de mangueiras, vedações entre outros.

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que é o Sistema de Arrefecimento?

Curso de arrefecimento automotivo, em primeiro lugar sistema de arrefecimento, apesar de sistema de arrefecimento automotivo, se arrefecimento automotivo, igualmente como funciona o sistema de arrefecimento, ou para que serve o sistema de arrefecimento no veículo, então componentes do sistema de arrefecimento, portanto a finalidade do sistema de arrefecimento é, afirmação para que serve o sistema de arrefecimento, causar o que é arrefecimento do veículo, explicação como funciona sistema de arrefecimento automotivo, segundo para que serve o liquido de arrefecimento, de conformidade com o sistema de arrefecimento do motor é composto por, por são componentes do sistema de arrefecimento de um automóvel:, anteriormente como funciona o sistema de arrefecimento do motor, diante disso o que é arrefecimento

Evidenciar o que é arrefecimento de um automóvel

Contribuir funcionamento do sistema de arrefecimento, bem como sistema de arrefecimento do motor, frequentemente curso de radiador automotivo, dessa forma são componentes do sistema de arrefecimento de um automóvel, ao mesmo tempo sistemas de arrefecimento, dessa qual a finalidade do sistema de arrefecimento, desta maneira arrefecimento, expressar sistema de arrefecimento de um automóvel, provocar arrefecimento motor, comparação liquido de arrefecimento para que serve, como o que é sistema de arrefecimento, atualmente sistema de arrefecimento carro, portanto tipo de sistema de arrefecimento utilizado nos veículos atualmente, raramente temperatura do líquido de arrefecimento, com isso sistema arrefecimento motor, deste modo faltou agua no radiador, depois que tipos de sistema de arrefecimento, fazer concessão para que serve o radiador do veiculo, então sistema de resfriamento do motor, mostrar a circulação da água entre o motor e o radiador é forçada.

Importância e curiosidade sobre óleo lubrificantes

Importância e curiosidade sobre óleo lubrificantes

Importância e curiosidade sobre óleo lubrificantes

Importância e curiosidade sobre óleo lubrificantes

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  

Um dos procedimentos mais importantes para assegurar o desempenho do automóvel é a troca de óleo regular, uma vez que a lubrificação adequada atenua o atrito entre as peças dentro do motor, o que garante sua potência. Ou seja, para garantir o bom funcionamento do veículo é preciso muito mais do que lavar, encerar e completar o tanque de combustível.

Por isso, Muitas pessoas, no entanto, possuem dúvidas sobre qual marca usar, qual a periodicidade adequada para a troca e se existem produtos menos agressivos ao meio ambiente. Segundo o consultor técnico da TOTAL Lubrificantes do Brasil, Fábio Silva, “o motorista precisa estar atento à importância e o controle da troca do óleo para manter o veículo em boas condições de uso. Sem isso, a saúde do motor corre perigo e prejuízos podem acontecer”, alerta.

Por isso, o especialista esclarece abaixo as dez principais curiosidades sobre a viscosidade do óleo lubrificante. Muitas dúvidas são verdadeiras enquanto outras são apenas mitos que devem ser desvendados para que o motor seja tratado com toda a atenção que merece.

Óleo de qualidade não envelhece e pode ser utilizado por muitos anos.

MITO – Todos os lubrificantes possuem um período de troca pré-determinado pela montadora do veículo e informado no manual do proprietário. O que define a periodicidade da substituição é a quilometragem ou prazo do produto no motor do veículo. Quando a troca é determinada pela quilometragem, normalmente, está relacionada com o tipo de condução do motorista e a localidade (“cidade/estrada”). No caso da substituição por período, quando o veículo não atingiu a quilometragem estipulada pela montadora, também é necessário realizar a troca do óleo, pois o lubrificante oxida-se em contato com o oxigênio e na presença do calor (condições normais dos motores), além de contaminar, o que faz com que o óleo perca suas propriedades.

Todos os óleos lubrificantes são iguais e podem ser utilizados em qualquer tipo de motor.

MITO – Os lubrificantes não são todos iguais. Existem diferenças de viscosidade e pacote de aditivos, que estão relacionados ao desempenho do produto. Para cada tipo de veículo existe uma especificação de óleo a ser utilizado. O consumidor deve sempre verificar a recomendação da montadora no manual do proprietário.

FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320

Posso utilizar qualquer tipo de lubrificante em carros antigos. 

MITO – Carros antigos, que estejam com a manutenção em dia, devem utilizar o mesmo lubrificante que foi recomendado no manual do veículo. Os produtos com maiores viscosidades, como o 25W60, são recomendados para veículos que estejam queimando óleo e esfumaçando, sinais que indicam que o motor está com grandes folgas. Caso o veículo esteja com alta quilometragem, mas não esteja queimando óleo ou esfumaçando, recomenda-se manter a indicação da montadora.

Óleo bom é aquele que não baixa o nível e não precisa de reposição e nem fica preto.

MITO – É normal que baixe o nível do lubrificante durante o uso do veículo, pois no momento da lubrificação do pistão, um pequeno volume de óleo é “queimado” juntamente com o combustível. Essa redução é esperada em qualquer veículo, mas é preciso ficar atento se o consumo do óleo estiver alto, pois pode significar alguma falha mecânica no motor e o ideal é procurar um mecânico. O óleo consumido deve ser reposto. Se o lubrificante ficar preto com o uso é sinal que está cumprindo corretamente sua função, que é a de remover as impurezas do motor e deixá-las ‘flutuando’ no lubrificante até o momento da troca. É extremamente importante que a sujeira esteja no óleo e não no motor para que não venha causar problemas.

Não existe diferença entre os óleos lubrificantes para carro e moto.

MITO – Todos os lubrificantes são compostos por óleo básicos e aditivos. Os lubrificantes para carros e motos são semelhantes, mas não possuem a mesma aditivação, apesar de serem regulamentados pela mesma norma API. Os lubrificantes para motos possuem uma aditivação diferenciada dos carros em função da embreagem ser lubrificada pelo óleo de motor. Sendo assim, a utilização de óleos de carros em motos, por exemplo, pode ocasionar problemas na embreagem da mesma.

Não posso misturar óleo sintético ou semissintético ao mineral.

DEPENDE – Em casos de emergência a mistura pode ser realizada. Mas, esta prática é recomendada apenas em casos de força maior. Os lubrificantes sintéticos ou semissintéticos possuem óleos básicos com características superiores aos óleos minerais. A mistura entre eles gera um desbalanceamento da formulação e, em alguns casos, perda de viscosidade e aditivação, fatores que podem comprometer o desempenho do óleo e deficiência de lubrificação no motor.

O motor deve estar frio na hora de verificar o nível e quente na hora da troca de óleo.

VERDADE – Para medir o nível do óleo é importante aguardar, aproximadamente, 10 minutos após parar o veículo para que o óleo retorne ao Carter, fazendo com que a leitura seja precisa com relação ao volume. Para trocar o óleo é importante que o motor esteja quente, pois desta forma, o produto flui com mais facilidade e carregue com ele a sujeira do motor para que a troca seja realizada rapidamente. Lembrando apenas que o nível correto do óleo é entre o máximo e o mínimo da vareta, ou seja, não se deve manter o nível próximo a nenhuma das extremidades da vareta.

Aditivos melhoram o desempenho do motor.

VERDADE – Os aditivos fazem parte da formulação do produto e melhoram o seu desempenho quando de acordo com as regulamentações API/ACEA. Os aditivos “avulsos”, que são comercializados no mercado, não são recomendados pelos fabricantes de lubrificantes, pois todos os óleos de boa qualidade são formulados com a quantidade de aditivos necessária para que o produto desempenhe perfeitamente sua função. O uso de aditivos errados pode desbalancear a formulação do óleo, ocasionando borra ou, em casos extremos, lubrificação ineficiente do motor.

O óleo recomendado pelo fabricante do veículo é sempre a melhor opção na hora da troca.

VERDADE – Sim, e sempre deve ser seguida a recomendação do fabricante do veículo, que indicam características técnicas importantes a serem seguidas como: viscosidade e o nível de desempenho do lubrificante. A viscosidade do lubrificante pode ser identificada na embalagem, conforme normatização da SAE – Sociedade de Engenharia Automotiva. Óleos multiviscosos são os mais comuns para motores automotivos. Sabe-se que 75% do desgaste do motor ocorrem no momento da partida, em função dos poucos segundos que o motor trabalha a seco, sendo assim, neste momento é essencial que o lubrificante flua o mais rápido possível para lubrificar o motor. Esta é a importância de se utilizar produtos com viscosidade menor no momento da partida, e é uma tendência para os novos projetos, cada vez mais a presença de lubrificantes de baixas viscosidades e que atendam as exigências para redução de consumo de combustível e emissão de gases poluentes. Por isso é extremamente importante seguir a viscosidade recomendada pela montadora. Quanto maior a numeração presente na embalagem do produto, mais viscoso é o óleo. Outra informação importante no momento da escolha do óleo é o nível de performance que é definido pelos institutos específicos, como por exemplo:  API (American Petroleum Institute), ACEA (Association des Constructeurs Européens d’Automobiles), ILSAC ( International Lubricants Standardization and Approval Committee).

As indústrias fabricantes de óleos lubrificantes devem obedecer a regulamentações, que visam garantir a qualidade e, sobretudo, a pouca agressividade dos produtos ao meio ambiente.

VERDADE – Toda empresa fabricante de lubrificante deve seguir as regulamentações na ANP (Agência Nacional de Petróleo), que regulamenta a produção, qualidade, níveis de desempenho, os óleos básicos e demais legislações referentes ao segmento. No nosso caso a Total Lubrificantes, por ser uma das quatro maiores empresas petrolíferas do mundo, conduz seus negócios de modo seguro, visando atender a legislação, além de possuir uma real preocupação com relação à qualidade e meio ambiente.

Fonte: adaptado de www.revistapubliracing.com.br Acessado em 30 de junho de 2016

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Qual a importância do óleo lubrificante?

Curiosidades automotivas, em primeiro lugar oleo para carros antigos, apesar de para lubrificar um motor, se petroleum lubrificantes, igualmente fastlub igarapava, ou mundo do lubrificante, então mundo lubrificante, portanto olio lubrificante auto, afirmação oleo lubrificante automotivo, causar nomes de lubrificantes, explicação

Conheça a ABRAESA – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviço para Excelência da Reparação Automotiva

Conheça a ABRAESA – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviço para Excelência da Reparação Automotiva

Conheça a ABRAESA – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviço para Excelência da Reparação Automotiva

Conheça a ABRAESA – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviço para Excelência da Reparação Automotiva

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  

 

A associação ( ABRAESA) têm como finalidade a proteção e a representação legal da categoria econômica da Reparação Automotiva no Brasil, de acordo com a legislação vigente e com os objetivos da coletividade do setor econômico, bem como, com o intuito de colaborar com os poderes públicos e as demais agremiações, praticando a solidariedade social e a realização dos interesses nacionais.

Há 10 anos a ABRAESA – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviços para Excelência da Reparação Automotiva têm como objetivo a proteção dos consumidores contra práticas abusivas que possam de alguma forma estabelecer a baixa qualidade final dos serviços automotivos, principalmente, na relação com as seguradoras de automóveis.

Compreende-se por reparação automotiva, as sociedades empresariais e todos os profissionais ligados direta ou indiretamente a atividade da reparação de automóveis, caminhonetes, caminhões e motocicletas, incluindo-se o setor de auto peças, borracheiros, lava rápido, revendedores de insumos e tintas.

Para mais informação acesse abraesa.org.br

como consertar junta homocinetica
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que é ABRAESA?

ABRAESA, por que a Associação Brasileira da Industria, Comércio e Serviço para Excelência da Reparação Automotiva, como a reparação automotiva, porque Associação Brasileira, motivo para qual a reparação automotiva, problemas na homocinética, em primeiro lugar como consertar junta homocinetica, apesar de homocinetica o que é, se junta homocinetica sintomas, igualmente problema homocinetica, ou problema na homocinética, então barulho auto center, portanto o que é homocinetica, afirmação barulho homocinetica, causar como saber se a homocinetica esta com defeito, explicação junta homocinetica barulho, segundo como detectar problemas de homocinetica, de conformidade com como instalar junta homocinetica, por conserto de homocinetica, anteriormente mao de obra homocinetica?, diante disso homocinetica barulho, evidenciar mão de obra homocinética, contribuir mocinete de carro, bem como mundo homocinetico, frequentemente barulho na homocinética, dessa forma barulho junta homocinetica, ao mesmo tempo semi eixo com folga sintomas, dessa problemas homocinetica, desta maneira homocinetica carro, expressar homocinética barulho.

Pneu : Conheça a sua história e sua Evolução

Pneu : Conheça a sua história e sua Evolução

Pneu : Conheça a sua história e sua Evolução

Pneu : Conheça a sua história e sua Evolução

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  

Como surgiu o 1º Pneu

O 1º pneu inflado a ar, foi inventado em 1.888 pelo escocês John Boyd Dunlop, e simplesmente ele utilizou rodas de madeira, que eram usadas antigamente, e encapou-as com lonas grossas e algumas alças de borrachas.

Primeiro, ele fez o teste utilizando esses pneus encapados, em triciclos, como não encontrou nenhum ponto negativo, passou para o 2º teste em uma bicicleta, só que desta vez, acrescentou pedaços de borrachas para prevenir derrapagens, e devido ao excelente resultado, ficou como marco na história dos pneus.

Com o passar dos anos, foram surgindo outras marcas famosas que também foram algumas patenteadas com os nomes de seus criadores como, em 1891 C.K.Welch, no mesmo ano os Irmãos Michelin, em 1904 Firestone e Goodyear, e a partir de 1928 a Dupont.
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320
Quais os Tipos de Pneus

Existem vários tipos de pneus, cada um deles é específico para certo tipo de veículo, cada um com suas respectivas funções, a diferença entre eles, está na fabricação, são os Pneus Diagonais, Pneus Radiais, Pneus Diagonais Cinturados, Pneus sem Câmara, Pneus com Câmara.

O que são Pneus Diagonais

Nos Pneus Diagonais as camadas de material têxtil utilizadas na fabricação, são colocadas na diagonal, formando um ângulo de 40°da linha central até a banda de rodagem, só que apesar de apresentar uma utilização estável, esse tipo de pneu, vem sendo cada vez menos utilizado, perdendo espaço para o os Pneus Radiais.

O que são Pneus Radiais

Já os Pneus Radiais na hora da fabricação, recebem cordas metálicas com ângulo de 90°, e correm em uma linha radial ou direta, através de um talão para outro, pela banda de rodagem, e ainda, graças a sua estrutura, permite que o veículo atinja velocidades mais altas.

O que são Pneus Diagonais Cinturados

Os Pneus Diagonais Cinturados, foram fabricados com uma cintura parecida com do Pneu Radial, o que teria melhorado muito a dirigibilidade,  principalmente na hora de manobras, mas, mesmo assim não chegou a ser muito utilizado.

O que são Pneus sem Câmara

A ideia inicial de ser fabricado pneus sem câmara, foi pensando no motorista, que dirige em velocidades mais altas, o fato de correr e acontecer um furo no pneu, poderia causar acidentes graves.

Pensando nisso, em vez de uma câmara cheia de ar dentro do pneu, a camada interna, é revestida por borrachas especiais, com baixa permeabilidade de ar, a qual consegue prevenir vazamentos de ar do pneu.

Isto quer dizer, que mesmo que o pneu seja furado com um prego durante o trajeto com o veículo, o ar não sairá de uma vez, o que causaria transtornos com a troca do pneu, mas, mesmo que o pneu comece a baixar lentamente, é aconselhado fazer o conserto ou a calibragem do mesmo.

Esse tipo de pneu, requer uma atenção a mais pelo motorista, pois, a calibragem deve ser feita semanalmente para garantir a segurança, a tranquilidade do motorista, e a durabilidade do pneu.

Quais as desvantagens do pneu com Câmara

  • Sempre que houver furos o pneu esvazia rapidamente, nesse caso não deve nais andar com o carro, porque vai estragar o pneu, e ficará inutilizado.
  • Ao trafegar em ruas de terra, com pedrinhas ou cascalhos, todo cuidado é pouco, porque pode furar o pneu, e a câmara.
  • A câmara para ser consertada, deve ser colocado um remendo chamado de manchão, se houver muitos deles na câmara, o pneu ficará desbalanceado, inclusive, não terá como fazer balanceamento nesta roda.
  • A própria roda se estiver torta pode causar vazamento do ar na câmara do pneu.
  • Deve ser evitado trafegar em ruas que tiveram feiras livres no dia, pois, sempre existem a possibilidades de haver pregos caídos, podendo assim, ocasionar furos nos pneus.

Quais as vantagens do Pneu sem Câmara

  • Não é necessário a utilização dentro do pneu de uma câmara de borracha, e o ar fica acondicionado diretamente dentro do pneu.
  • Outra vantagem, em caso de furar, é possível andar com tranquilidade até o borracheiro para o reparo do pneu, porque ele não esvazia de imediato.
  • Agiliza o serviço do borracheiro, pois, não precisa desmontar o pneu para retirar a câmara, consertar, colocar novamente, e ainda, calibrar.

 

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que as luzes no painel significam?

O que as luzes no painel significam?

O que as luzes no painel significam?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  

Quando acende uma luz no painel de seu carro de forma intermitente, ou seja, acende e não apaga mais, ou, percebe que começa acender e apagar, fique alerta, pois é hora de levar o quanto antes numa oficina. Todo carro precisa de uma manutenção ou revisão periódica para preservar e prolongar a vida útil do motor, da parte elétrica entre outros componentes.

Mesmo assim, o carro é uma máquina que pode sofrer avarias inesperadas, e o principal sintoma de que algo não anda bem no veículo é a luz que acende no painel, por isso, é necessário identificar qual a parte que está com problema para informar o mecânico. Este artigo é para ajudar a conhecer as principais luzes que podem existir no painel do carro e as funções de cada uma, claro, que devido à existência de inúmeros modelos de veículos, nem todas as sinalizações serão iguais, na dúvida, basta ler no manual do proprietário.

As sinalizações mostradas acima, cada uma tem a explicação correspondente logo abaixo. Confira: 1-Quando acende, é a luz de temperatura alta Significa que o motor está superaquecido e portanto, deve parar de imediato. Não se arrisque a continuar andando, senão o motor trava e vai parar de vez. O procedimento a ser adotado é chamar um guincho para levar o carro até uma oficina mecânica.
2-Quando acende, é problema de injeção eletrônica Significa que o carro pode consumir mais combustível que o normal, e provocar o aumento da emissão de gases poluentes fazendo o carro parar de vez. O procedimento a ser adotado, é o mesmo.
3-Quando acende, é a luz de pressão do óleo do motor Significa que o motor está sem óleo, pois, não verificou o nível do óleo, ou, pode ter acontecido um vazamento, e o motor pode fundir. O procedimento a ser adotado, é o mesmo.
  4-Quando acende, é a luz alta dos faróis que estão ligados. Fique atento, pois, em vias onde há iluminação pública é proibido transitar com a luz alta dos faróis.
5-  Quando acendeportas-abertas, é porque tem alguma porta aberta no carro. Nesse caso é bom verificar antes de sair com o veículo, para evitar que aconteça um acidente.

Como prefere entrar em contato?

[email protected] 0800 642 2327 ícone de telefone 
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320
6-Quando acende, significa que está com a seta ligada do veículo indicando que está para fazer uma curva, ou, mudar de faixa de rodagem. Preste atenção, pois deve ficar ligada somente até completar o percurso, depois deve apagar para não confundir outros motoristas.
7-Quando acende, é porque a luz do farol de neblina está ligado, e é apenas recomendado quando tem neblina. Pois pode prejudicar o campo de visão do motorista que vem em sentido contrário. 8-Quando acende, pode ter dois significados: *Quando o carro está estacionado, indica que o freio de mão foi puxado; *Caso o carro está em movimento e a luz acender, indica que o reservatório de óleo de freio está baixo, e pode afetar no momento da freada.É importante parar num posto de combustível ou ir numa mecânica para completar o óleo.
9-Quando acende, significa que a bateria pode estar com problema de carga, ou até no alternador, o dispositivo responsável em carregar a bateria e fornecer energia para o veículo com o motor ligado. No caso de estar com o veículo em movimento e perceber que esta luz acendeu, pode ser que a bateria não está sendo carregada, assim, pode afetar toda a parte elétrica. Chame um guincho que poderá dar uma carga na bateria, para garantir a volta para casa, eletricista ou até um mecânico.

10-Quando acende abs, significa que o ABS pode estar com problemas, podendo resultar em uma condição fatal caso aconteça um acidente grave . É recomendado levar para o mecânico verificação do mesmo.

11-Quando fica constantemente acesa , significa que atingiu o nível de gasolina reserva e é necessário o abastecimento do veículo. O melhor é sempre prevenir e evitar de andar na reserva,por que pode prejudicar o motor com sujeiras depositadas no fundo do tanque.

12-Quando a luz fica acesa , significa que o carro tem algum problema, só que não identifica qual é o tipo. O recomendado é levar ao mecânico o quanto antes.

13-Quando esta luz permanece acesa , significa que a transmissão automática ou a injeção eletrônica em carros automáticos está com algum defeito . A melhor opção ligar para o seu mecânico ou mecânica de confiança.

14-Quando fica acesa , significa que o veículo esta com uma lâmpada queimada. Lembre-se faça a troca urgente porque além de diminuir a visibilidade no escuro, a sua como  a do outro também gera multa.

15-Quando acende, significa que o carro está com algum problema no sistema elétrico, como não é um problema mecânico, recomenda-se  levar ao eletricista de confiança.

16-Quando acende , significa que um dos passageiros não colocou o cinto de segurança obrigatório, inclusive nos bancos traseiros.

18-Quando acende significa que pode haver problema com o Airbag. Para sua segurança e dos outros recomenda-se levar na concessionária ou uma empresa autorizada,
19- Quando acende essa luz , significa que o problema está no Airbag lateral. Procedimento igual ao item 18. 20-Quando acesa, significa que os pneus precisam de calibragem. Aconselhável que se leve ao posto para a calibragem dos pneus, caso não saiba quantas libras solicite informação ao frentista. 21-Quando acende ,Significa que o desembaçador do para-brisas está ligado. Lembre-se de desligar quando não for mais necessário o seu uso.
22-Quando aceso, indica que o desembaçador traseiro está ligado.
23- Quando acesa ,significa que o Overdrive no câmbio automático está ligado, usado para ajudar na velocidade e economia do combustível. 24- Quando acesa ,significa que a cadeirinha do bebê não está instalada de forma correta. Para os pais de plantão, fique mais atento a essa sinalização. 25- Quando acesa ,significa que a tração integral, 4×4 está ativada.
26-Significa que o esguicho do para-brisa está em funcionamento.
27-Quando acesa ,significa que está com problemas no fluído de freio, e pode não frear de maneira adequada. Procedimento é levar o carro ao mecânico. 28-Quando acesa ,significa que o piloto automático está ativado. 29-Quando acesa ,significa que as travas de segurança nas portas traseiras estão acionadas, isso, evita que as crianças sentadas atrás abram a porta do carro. Para que todas essas dicas e informações possam ser utilizadas, mantenha a manutenção preventiva em dia, buscando profissionais de autoelétricas. Assim você cuida do seu veículo e ele cuida de você.

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que significa a luz no painel?

luz no painel, em primeiro lugar luz acesa no painel, apesar de luz do painel, se “caso a luz piloto que corresponde à pressão de óleo lubrificante acenda no painel, com o óleo no nível, o motorista deve”, igualmente luz acendendo no painel, ou luzes que acendem no painel do carro, então luz do painel acesa, portanto luz do motor acesa no painel, afirmação luz acesa no painel do carro, causar quando acende a luz no painel, explicação porque a luz do alternador não apaga, segundo quando acende a luz do motor no painel, de conformidade com quando a luz de oleo acende o que pode ser, por luz do alternador acende e apaga, anteriormente luz de painel de carro, diante disso luz no painel do carro, evidenciar acendeu uma luz no painel, contribuir luz do painel acendendo, bem como luz do oleo acendeu, frequentemente luz de oleo acesa no painel, dessa forma “o que deve ser feito quando a luz piloto do motor acender durante a condução do veículo”, ao mesmo tempo luz de verificação do motor, dessa luz que acende no painel, desta maneira painel do carros luzes, expressar acendeu, provocar o que fazer quando a luz piloto acender, comparação quando a luz do painel acende,

Como acendeu a luz do óleo?

como acendeu a luz do oleo, atualmente luzes que acendem no painel, portanto todas as luzes do painel acesas, raramente acendeu a luz, com isso luz de arrefecimento acesa, deste modo luz do painel do carro, depois que caso a luz piloto que corresponde a pressao de oleo, fazer concessão quando acende a luz do motor, então quando a luz do oleo acende, mostrar significado da palavra acender, propiciar luz de carro, em consonância significado das luzes do painel dos carros, tal qual por que acende, em virtude de “caso a luz piloto que corresponde a pressao de oleo lubrificante acenda no painel, com o oleo no nivel, o motorista deve:”, finalmente luz do oleo acende e apaga, enfim luz do oleo acesa, até luz do desembaçador acesa, anterioridade quando a luz do abs acende no painel, ocasionalmente significado luzes painel, pois luzes acesas no painel significado, dessa luz piloto painel, quando quando acende a luz do óleo do motor, logo luz de oleo acesa, apenas luz do motor acendeu, acima de tudo luz de motor acesa, embora a luz do oleo acendeu, caso acendi a luz, da mesma forma luz carro, ora quando acende a luz,

Quando a luz do motor acende?

enfim quando a luz do motor acende o que pode ser, por isso luz motor acesa, consistir luz para carro, motivar luz do alternador acesa, de acordo com luz do carro, de acordo com quando a luz da gasolina acende, porquanto significado de acender, posteriormente luzes de painel de carros significado, mediante o exposto o que significa as luzes no painel, para incluir o que fazer quando a luz piloto do motor acender, determinar qual significado da luz piloto, frequência luz da injeção acende em alta velocidade, constantemente luz do óleo acendendo intermitente o que pode ser, dessa maneira quando a luz da bateria acende no painel, simultaneamente quando a luz do motor acende no painel, assim luz do motor acesa o que significa, sempre que o que fazer quando a luz da injeção eletronica acendeu,

Deste modo acendeu a luz no painel

deste modo acendeu luz no painel, traduzir-se por luz de motor no painel, resultar luz do motor acende e apaga, semelhança luz oleo acesa, tanto quanto a luz esta acesa, alternância luz da bateria acendeu, agora restauração de painel automotivo rj, em resumo luz do motor, posteridade luz injeção eletronica acesa, sempre acendeu a luz da temperatura, desta maneira luz painel do carro, antes que luz da injeção eletrônica acendeu, destarte o que significa as luzes do painel, principalmente porque acende a luz da injeção eletronica, se bem que luz painel injeção eletronica, desde que injeção eletronica acendeu o que pode ser, do mesmo modo luzes do painel o que significa, seja luz acendeu no painel, logo depois luz da bateria acesa no painel, por conseguinte luz de freio acendendo no painel, significar luz do alternador não acende, ocasionar acende a luz, consoante luz alternador acesa, conforme o que significa quando a luz do abs acende, visto que luzes do carro significado, afinal luz do painel significado, em síntese luz painel carros, inclusive sinais no painel do carro, ordem luz painel, eventualmente injeção eletronica acendeu, pois luz de motor acesa no painel, nesse meio tempo luz de painel, por conseguinte luz painel injeção eletrônica.

O que as luzes no painel significam?

O que as luzes no painel significam?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Quando acende uma luz no painel de seu carro de forma intermitente, ou seja, acende e não apaga mais, ou, percebe que começa acender e apagar, fique alerta, pois é hora de levar o quanto antes numa oficina. Todo carro precisa de uma manutenção ou revisão periódica para preservar e prolongar a vida útil do motor, da parte elétrica entre outros componentes.

Mesmo assim, o carro é uma máquina que pode sofrer avarias inesperadas, e o principal sintoma de que algo não anda bem no veículo é a luz que acende no painel, por isso, é necessário identificar qual a parte que está com problema para informar o mecânico. Este artigo é para ajudar a conhecer as principais luzes que podem existir no painel do carro e as funções de cada uma, claro, que devido à existência de inúmeros modelos de veículos, nem todas as sinalizações serão iguais, na dúvida, basta ler no manual do proprietário.

luz acesa no painel

As sinalizações mostradas acima, cada uma tem a explicação correspondente logo abaixo. Confira:

1- Quando acende, é a luz de temperatura alta.

Significa que o motor está superaquecido e portanto, deve parar de imediato. Não se arrisque a continuar andando, senão o motor trava e vai parar de vez. O procedimento a ser adotado é chamar um guincho para levar o carro até uma oficina mecânica

2- Quando acende, é problema de injeção eletrônica.

Significa que o carro pode consumir mais combustível que o normal, e provocar o aumento da emissão de gases poluentes fazendo o carro parar de vez. O procedimento a ser adotado, é o mesmo.

luz acendendo no painel

3- Quando acende, é a luz de pressão do óleo do motor.

Significa que o motor está sem óleo, pois, não verificou o nível do óleo, ou, pode ter acontecido um vazamento, e o motor pode fundir. O procedimento a ser adotado, é o mesmo.

caso a luz piloto que corresponde à pressão de óleo lubrificante

4- Quando acende.

É a luz alta dos faróis que estão ligados. Fique atento, pois, em vias onde há iluminação pública é proibido transitar com a luz alta dos faróis.

luz do painel

5- Quando acende portas-abertas, é porque tem alguma porta aberta no carro.

Nesse caso é bom verificar antes de sair com o veículo, para evitar que aconteça um acidente.

luzes que acendem no painel do carro

6- Quando acende, significa que está com a seta ligada do veículo indicando que está para fazer uma curva, ou, mudar de faixa de rodagem.

Preste atenção, pois deve ficar ligada somente até completar o percurso, depois deve apagar para não confundir outros motoristas.

luz de painel de carro

7- Quando acende, é porque a luz do farol de neblina está ligado, e é apenas recomendado quando tem neblina. Pois pode prejudicar o campo de visão do motorista que vem em sentido contrário.

quando acende a luz no painel

8- Quando acende, pode ter dois significados.

  • Quando o carro está estacionado, indica que o freio de mão foi puxado;
  • Caso o carro está em movimento e a luz acender, indica que o reservatório de óleo de freio está baixo, e pode afetar no momento da freada.É importante parar num posto de combustível ou ir numa mecânica para completar o óleo.

9- Quando acende, significa que a bateria pode estar com problema de carga, ou até no alternador, o dispositivo responsável em carregar a bateria e fornecer energia para o veículo com o motor ligado.

No caso de estar com o veículo em movimento e perceber que esta luz acendeu, pode ser que a bateria não está sendo carregada, assim, pode afetar toda a parte elétrica. Chame um guincho que poderá dar uma carga na bateria, para garantir a volta para casa, eletricista ou até um mecânico.

luz no painel do carro
luz no painel do carro

10- Quando acende significa que pode haver problema com o Airbag. Para sua segurança e dos outros recomenda-se levar na concessionária ou uma empresa autorizada.

luzes acesas no painel significado

11- Quando aceso, indica que o desembaçador traseiro está ligado.

12- Significa que o esguicho do para-brisa está em funcionamento.

13- Quando acende abs, significa que o ABS pode estar com problemas, podendo resultar em uma condição fatal caso aconteça um acidente grave . É recomendado levar para o mecânico verificação do mesmo.

acendeu uma luz no painel

14- Quando fica constantemente acesa, significa que atingiu o nível de gasolina reserva e é necessário o abastecimento do veículo. O melhor é sempre prevenir e evitar de andar na reserva,por que pode prejudicar o motor com sujeiras depositadas no fundo do tanque.

luz do painel do carro

15- Quando a luz fica acesa,, significa que o carro tem algum problema, só que não identifica qual é o tipo. O recomendado é levar ao mecânico o quanto antes.

16- Quando esta luz permanece acesa , significa que a transmissão automática ou a injeção eletrônica em carros automáticos está com algum defeito . A melhor opção ligar para o seu mecânico ou mecânica de confiança.

significado das luzes do painel dos carros

17- Quando fica acesa , significa que o veículo esta com uma lâmpada queimada. Lembre-se faça a troca urgente porque além de diminuir a visibilidade no escuro, a sua como a do outro também gera multa.

o que deve ser feito quando a luz piloto do motor

18- Quando acende, significa que o carro está com algum problema no sistema elétrico, como não é um problema mecânico, recomenda-se levar ao eletricista de confiança.

luz do painel acendendo

19- Quando acende, significa que um dos passageiros não colocou o cinto de segurança obrigatório, inclusive nos bancos traseiros.

20- Quando acende essa luz, significa que o problema está no Airbag lateral. Procedimento igual ao item 18.

21- Quando acesa, significa que os pneus precisam de calibragem. Aconselhável que se leve ao posto para a calibragem dos pneus, caso não saiba quantas libras solicite informação ao frentista.

22- Quando acende, significa que o desembaçador do para-brisas está ligado. Lembre-se de desligar quando não for mais necessário o seu uso.

23- Quando acesa, significa que o Overdrive no câmbio automático está ligado, usado para ajudar na velocidade e economia do combustível.

24- Quando acesa, significa que a cadeirinha do bebê não está instalada de forma correta. Para os pais de plantão, fique mais atento a essa sinalização.

o que significa as luzes no painel

25- Quando acesa, significa que a tração integral, 4×4 está ativada.

27-Quando acesa,significa que está com problemas no fluído de freio, e pode não frear de maneira adequada. Procedimento é levar o carro ao mecânico.

28-Quando acesa, significa que o piloto automático está ativado.

29-Quando acesa, significa que as travas de segurança nas portas traseiras estão acionadas, isso, evita que as crianças sentadas atrás abram a porta do carro.Para que todas essas dicas e informações possam ser utilizadas, mantenha a manutenção preventiva em dia, buscando profissionais de autoelétricas. Assim você cuida do seu veículo e ele cuida de você.

 

O que significa a luz no painel?

luz no painel, em primeiro lugar luz acesa no painel, apesar de luz do painel, se “caso a luz piloto que corresponde à pressão de óleo lubrificante acenda no painel, com o óleo no nível, o motorista deve”, igualmente luz acendendo no painel, ou luzes que acendem no painel do carro, então luz do painel acesa, portanto luz do motor acesa no painel, afirmação luz acesa no painel do carro, causar quando acende a luz no painel, explicação porque a luz do alternador não apaga, segundo quando acende a luz do motor no painel, de conformidade com quando a luz de oleo acende o que pode ser, por luz do alternador acende e apaga, anteriormente luz de painel de carro, diante disso luz no painel do carro, evidenciar acendeu uma luz no painel, contribuir luz do painel acendendo, bem como luz do oleo acendeu, frequentemente luz de oleo acesa no painel, dessa forma “o que deve ser feito quando a luz piloto do motor acender durante a condução do veículo”, ao mesmo tempo luz de verificação do motor, dessa luz que acende no painel, desta maneira painel do carros luzes, expressar acendeu, provocar o que fazer quando a luz piloto acender, comparação quando a luz do painel acende.

Como acendeu a luz do óleo?

como acendeu a luz do oleo, atualmente luzes que acendem no painel, portanto todas as luzes do painel acesas, raramente acendeu a luz, com isso luz de arrefecimento acesa, deste modo luz do painel do carro, depois que caso a luz piloto que corresponde a pressao de oleo, fazer concessão quando acende a luz do motor, então quando a luz do oleo acende, mostrar significado da palavra acender, propiciar luz de carro, em consonância significado das luzes do painel dos carros, tal qual por que acende, em virtude de “caso a luz piloto que corresponde a pressao de oleo lubrificante acenda no painel, com o oleo no nivel, o motorista deve:”, finalmente luz do oleo acende e apaga, enfim luz do oleo acesa, até luz do desembaçador acesa, anterioridade quando a luz do abs acende no painel, ocasionalmente significado luzes painel, pois luzes acesas no painel significado, dessa luz piloto painel, quando quando acende a luz do óleo do motor, logo luz de oleo acesa, apenas luz do motor acendeu, acima de tudo luz de motor acesa, embora a luz do oleo acendeu, caso acendi a luz, da mesma forma luz carro, ora quando acende a luz.

Quando a luz do motor acende?

enfim quando a luz do motor acende o que pode ser, por isso luz motor acesa, consistir luz para carro, motivar luz do alternador acesa, de acordo com luz do carro, de acordo com quando a luz da gasolina acende, porquanto significado de acender, posteriormente luzes de painel de carros significado, mediante o exposto o que significa as luzes no painel, para incluir o que fazer quando a luz piloto do motor acender, determinar qual significado da luz piloto, frequência luz da injeção acende em alta velocidade, constantemente luz do óleo acendendo intermitente o que pode ser, dessa maneira quando a luz da bateria acende no painel, simultaneamente quando a luz do motor acende no painel, assim luz do motor acesa o que significa, sempre que o que fazer quando a luz da injeção eletronica acendeu.

Deste modo acendeu a luz no painel?

deste modo acendeu luz no painel, traduzir-se por luz de motor no painel, resultar luz do motor acende e apaga, semelhança luz oleo acesa, tanto quanto a luz esta acesa, alternância luz da bateria acendeu, agora restauração de painel automotivo rj, em resumo luz do motor, posteridade luz injeção eletronica acesa, sempre acendeu a luz da temperatura, desta maneira luz painel do carro, antes que luz da injeção eletrônica acendeu, destarte o que significa as luzes do painel, principalmente porque acende a luz da injeção eletronica, se bem que luz painel injeção eletronica, desde que injeção eletronica acendeu o que pode ser, do mesmo modo luzes do painel o que significa, seja luz acendeu no painel, logo depois luz da bateria acesa no painel, por conseguinte luz de freio acendendo no painel, significar luz do alternador não acende, ocasionar acende a luz, consoante luz alternador acesa, conforme o que significa quando a luz do abs acende, visto que luzes do carro significado, afinal luz do painel significado, em síntese luz painel carros, inclusive sinais no painel do carro, ordem luz painel, eventualmente injeção eletronica acendeu, pois luz de motor acesa no painel, nesse meio tempo luz de painel, por conseguinte luz painel injeção eletrônica.

youtube logo 2e4rodas

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Conheça Monza Clube / SP

Conheça Monza Clube / SP

Conheça Monza Clube / SP

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  

Nascimento do Clube

Tudo começou quando em dezembro de 1998, William M. Bertochi adquiriu um Monza e procurava, sem sucesso, informações sobre esse veículo na Internet. Frustrado, decidiu reunir informações e organizá-las em um projeto que, posteriormente, veio a se tornar o Monza Clube. Após diversas visitas a bibliotecas e sebos, assim como, o contato com várias editoras, um vasto material foi adquirido. O passo seguinte foi conseguir a liberação para publicá-los. Com a autorização em mãos, disponibilizou algumas reportagens e dezenas de fotos no que seria a primeira versão do Clube. Surgia, então, a 17 de outubro de 1999, o Monza Clube.

Depois de algum tempo on-line, novas ideias foram surgindo, seções foram criadas e o número de “monzeiros” cadastrados foi aumentando gradativamente. Além disso, dia-a-dia o Clube tem ganhado mais espaço junto à imprensa. Com o crescente interesse dos internautas, houve a necessidade de se organizar o primeiro encontro automotivo do Monza Clube. Assim, a 23 de março de 2002, em São Paulo (no estacionamento do Estádio do Pacaembu) e no Rio de Janeiro (na Lagoa), foram reunidos os dois primeiros grupos de “monzeiros” fora da Internet. Ainda no mesmo ano, “monzeiros” do Espírito Santo, de Minas Gerais, do Paraná e de Santa Catarina efetuaram os primeiros encontros nesses Estados.

clube monza
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320

Eventos Realizados

Em agosto de 2003, atendendo a sugestão de diversos “monzeiros”, foi realizado o “1º Encontro Nacional do Monza Clube”. O evento aconteceu em São Paulo e reuniu 205 carros e mais de 600 pessoas. Além dos representantes de várias cidades do Estado de São Paulo, também tivemos a participação de “monzeiros” de outros Estados como, por exemplo, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Brasília. Nos dias em que acontecem os eventos conta-se com o apoio de um grupo de voluntários que auxiliam na recepção e apoio aos “monzeiros” participantes.

No dia 14 de agosto de 2004, realizou-se o “2º Encontro Nacional do Monza Clube”, o qual reuniu 394 carros e mais de 2.500 pessoas.  Este evento também contou com participantes de diversas cidades e Estados do Brasil. Já no dia 6 de agosto de 2005, o Clube realizou o maior evento automotivo de carros produzidos pela General Motors. Estiveram presentes ao “3º Encontro Nacional do Monza Clube” 505 veículos e um público superior a 5.000 pessoas. Até os dias atuais já foram reunidos mais de 6.100 veículos nos eventos realizados

grupo whatsapp monza

 Ações Sociais

Outro ponto de destaque no clube são as ações sociais em prol de instituições de caridade, onde já foram arrecadados 10,2 toneladas de alimentos não-perecíveis e demais produtos. Em virtude da divulgação existente no portal do Monza Clube de um orfanato, crianças foram adotadas.

Associados 

Atualmente o clube conta com mais de 16.000 pessoas cadastradas e uma média de 430.000 visitantes por ano. O acesso ao conteúdo do portal do Clube ultrapassa a marca de 35.000.000 (milhões) de arquivos acessados anualmente. Por fim, fica o convite! Venha fazer parte da “Família Monza Clube”. Contamos com a sua presença em nossos futuros eventos!

Fonte: www.monzaclube.com

Contato: William M. Bertochi (Will)        E-mail: [email protected]

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

O que é Monza Clube?

clube do monza whatsapp, em primeiro lugar clube do monza, apesar de grupo whatsapp monza, se clube do monza sp, igualmente monzeiros sp, ou monza clube, então como participar do clube do monza, portanto monzaclube, afirmação clube monza, causar monzeiros clube, explicação monzeiros, segundo monzeiro, de conformidade com club do monza, por monza club, anteriormente monza em sao paulo, diante disso grupo monza, evidenciar monza em sp, contribuir monza à venda em são paulo, bem como o clube de, frequentemente mozero, dessa forma william auto center.

Conheça Monza Clube / SP

Conheça Monza Clube / SP

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)

Nascimento do Clube:

Tudo começou quando em dezembro de 1998, William M. Bertochi adquiriu um Monza e procurava, sem sucesso, informações sobre esse veículo na Internet. Frustrado, decidiu reunir informações e organizá-las em um projeto que, posteriormente, veio a se tornar o Monza Clube. Após diversas visitas a bibliotecas e sebos, assim como, o contato com várias editoras, um vasto material foi adquirido. O passo seguinte foi conseguir a liberação para publicá-los. Com a autorização em mãos, disponibilizou algumas reportagens e dezenas de fotos no que seria a primeira versão do Clube. Surgia, então, a 17 de outubro de 1999, o Monza Clube.

Depois de algum tempo on-line, novas ideias foram surgindo, seções foram criadas e o número de “monzeiros” cadastrados foi aumentando gradativamente. Além disso, dia-a-dia o Clube tem ganhado mais espaço junto à imprensa. Com o crescente interesse dos internautas, houve a necessidade de se organizar o primeiro encontro automotivo do Monza Clube. Assim, a 23 de março de 2002, em São Paulo (no estacionamento do Estádio do Pacaembu) e no Rio de Janeiro (na Lagoa), foram reunidos os dois primeiros grupos de “monzeiros” fora da Internet. Ainda no mesmo ano, “monzeiros” do Espírito Santo, de Minas Gerais, do Paraná e de Santa Catarina efetuaram os primeiros encontros nesses Estados.

clube monza

Eventos Realizados:

Em agosto de 2003, atendendo a sugestão de diversos “monzeiros”, foi realizado o “1º Encontro Nacional do Monza Clube”. O evento aconteceu em São Paulo e reuniu 205 carros e mais de 600 pessoas. Além dos representantes de várias cidades do Estado de São Paulo, também tivemos a participação de “monzeiros” de outros Estados como, por exemplo, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Brasília. Nos dias em que acontecem os eventos conta-se com o apoio de um grupo de voluntários que auxiliam na recepção e apoio aos “monzeiros” participantes.

No dia 14 de agosto de 2004, realizou-se o “2º Encontro Nacional do Monza Clube”, o qual reuniu 394 carros e mais de 2.500 pessoas. Este evento também contou com participantes de diversas cidades e Estados do Brasil. Já no dia 6 de agosto de 2005, o Clube realizou o maior evento automotivo de carros produzidos pela General Motors. Estiveram presentes ao “3º Encontro Nacional do Monza Clube” 505 veículos e um público superior a 5.000 pessoas. Até os dias atuais já foram reunidos mais de 6.100 veículos nos eventos realizados.

grupo whatsapp monza

Ações Sociais:

Outro ponto de destaque no clube são as ações sociais em prol de instituições de caridade, onde já foram arrecadados 10,2 toneladas de alimentos não-perecíveis e demais produtos. Em virtude da divulgação existente no portal do Monza Clube de um orfanato, crianças foram adotadas.

O que é Monza Clube?

clube do monza whatsapp, em primeiro lugar clube do monza, apesar de grupo whatsapp monza, se clube do monza sp, igualmente monzeiros sp, ou monza clube, então como participar do clube do monza, portanto monzaclube, afirmação clube monza, causar monzeiros clube, explicação monzeiros, segundo monzeiro, de conformidade com club do monza, por monza club, anteriormente monza em sao paulo, diante disso grupo monza, evidenciar monza em sp, contribuir monza à venda em são paulo, bem como o clube de, frequentemente mozero, dessa forma william auto center.

Associados:

Atualmente o clube conta com mais de 16.000 pessoas cadastradas e uma média de 430.000 visitantes por ano. O acesso ao conteúdo do portal do Clube ultrapassa a marca de 35.000.000 (milhões) de arquivos acessados anualmente. Por fim, fica o convite! Venha fazer parte da “Família Monza Clube”. Contamos com a sua presença em nossos futuros eventos!

Fonte: www.monzaclube.com

Contato: William M. Bertochi (Will) E-mail: [email protected]

youtube logo 2e4rodas

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site são propriedade da marca 2e4 Rodas Equipamentos Automotivos ou do criador original do material, estas imagens foram coletadas de diversas fontes públicas, incluindo sites diferentes, considerando a possibilidade de estar em domínio público.

Se alguém tiver qualquer objecção à exibição de qualquer imagem ou notícias, deve trazer ao nosso conhecimento através do e-mail (contato). O mesmo será removido imediatamente, após verificação do crédito.

Todas as Marcas e nomes pertencem aos seus proprietários. Outros nomes e marcas podem ser de propriedade de outras empresas.

Declinamos toda e qualquer responsabilidade legal advinda da utilização das informações acessadas nos nossos sites que tem por objetivo a divulgação de informação, diversão e educação dos interessados.

Medidas tomadas pelos usuários são de sua inteira responsabilidade.

Reiteramos que orientamos sempre a consultar e seguir as instruções presentes no manual do proprietário do seu PRODUTO.

Nota Completa no RODAPÉ. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

ABS o que significa?

ABS o que significa?

ABS o que significa?

phone-icon0800 642 2327          phone-iconFIXO (47) 3522-3274              whatsapp-logo-icone(47) 99978-1266          whatsapp-logo-icone(47) 98872-0320 (PEÇAS)  
As montadoras a cada ano, lançam modelos cada vez mais sofisticados embutidos com muita tecnologia em automóveis ou motos, e com tantas inovações, algumas siglas já conhecidas referentes aos sistemas dos veículos podem ser alteradas conforme o fabricante, mesmo assim, tem a mesma função, como as siglas ABS, EAS, ESP, EBD e BAS, o que significam? O significado de algumas siglas como ABS por exemplo, muita gente entende que se trata de certo tipo de freios, e as outras podem ser referentes ao controle de tração, estabilidade do veículo, enfim, essas siglas cada uma tem uma função importante e diferente, por isso, vale a pena conhecer cada uma, é só conferir!
ABS  ABS, ou, “Anti-lock Braking System”(em inglês), significa que é um sistema de freios que não trava, graças aos sensores instalados nas rodas, por isso, quando o motorista pisa no freio de repente para evitar uma colisão, o sistema determina que a freada seja feita aos poucos, dessa maneira evita que a roda trave. O ciclo de aplicação e desaplicação se alternam e podem se repetir muitas vezes por segundo, é comum acender no painel o aviso do ABS quando o sistema é ativado freadas repentinas, mas, fique atento, pois, só deve acender nesses casos.
ABS  ABS, ou, “Anti-lock Braking System”(em inglês), significa que é um sistema de freios que não trava, graças aos sensores instalados nas rodas, por isso, quando o motorista pisa no freio de repente para evitar uma colisão, o sistema determina que a freada seja feita aos poucos, dessa maneira evita que a roda trave. O ciclo de aplicação e desaplicação se alternam e podem se repetir muitas vezes por segundo, é comum acender no painel o aviso do ABS quando o sistema é ativado freadas repentinas, mas, fique atento, pois, só deve acender nesses casos.

Como prefere entrar em contato?

[email protected] 0800 642 2327 ícone de telefone 
FALE COMIGO PELO whats 2e4rodas (47) 98872-0320
EAS EAS significa Electronic Actuation System. É o sistema de controle de tração e também de altura do carro em relação ao solo e, que auxilia o ABS, para que o pedal não seja levado ao fundo, ou seja, ao frear bruscamente controlar a altura do veículo.
ESP ESP significa “Eletronic Stability Program”, é um programa eletrônico de estabilidade que ajuda o carro a retornar a trajetória original antes da freada brusca, seja no eixo traseiro ou dianteiro. Já nas curvas, ativa os freios em uma ou mais rodas quando reconhece situação de risco ou perda de aderência. Interessante frisar que nos modelos Audi, Chevrolet ou Kia, é conhecido como ESP, enquanto a Ford dá o nome de ESC.