Escolha uma Página

Nada melhor que ter o próprio transporte desde que bem cuidado, levando periodicamente para manutenções preventivas tudo para garantir a perfeita dirigibilidade, aliás, a importância da suspensão do carro em dia faz toda a diferença, principalmente no item segurança!

Nem sempre trafegar pelas ruas e avenidas nos grandes centros é sinônimo de asfalto perfeito, é mais fácil encontrar dezenas de buracos pelo caminho, mesmo porque a época é de chuvas que facilitam o rompimento do asfalto devido ao solo encharcado!

 

Partes da suspensão do veículo

 

A suspensão do carro é formada por vários componentes, não apenas de amortecedores, mas, todos igualmente importantes para a segurança, que são:

• Molas;
• Bandejas;
• Pivôs;
• Buchas;
• Barra estabilizadora;
• Braços;

 

Fique atento

 

• Quando o carro está com problemas na suspensão, não significa que os amortecedores devem ser trocados, pelo contrário, as vezes estão perfeitos, mas, outras partes não, como uma bucha, pivô, entre outros, por isso, é bom levar o carro a um Centro Automotivo de confiança, para troca somente do necessário!

 

Como saber se a suspensão tem problemas

 

• Quando começa a sentir impactos do carro com o solo, falta da estabilidade nas curvas ou em freadas, é sinal que a suspensão do carro, sejam amortecedores ou outros componentes precisam ser substituídos, inclusive, pela falta de segurança ao motorista e ocupantes;

 

O que acontece quando a suspensão está danificada

 

• Além dos inconvenientes barulhos e da falta de estabilidade em continuar dirigindo, os impactos que o carro continua a sofrer podem causar trincas no chassi e/ou carroceria, nesse caso a segurança é zero, e qualquer acidente é fatal!

• Outro problema é que devido a suspensão danificada os pneus sofrem um desgaste anormal e acentuado, nesse caso haverá a necessidade de substituir os 4, mais alinhamento e balanceamento, por isso, é bom não facilitar, porque a brincadeira sai mais cara;

 

Suspensão mais dura

 

• Existem vários tipos de suspensões de acordo com modelo e tipo do veículo, seja como for, o objetivo é transmitir segurança e conforto aos ocupantes, exceto nos veículos esportivos visto que geralmente são duros e desconfortáveis, de doer as costas mesmo, mas, prontos para outros tipos de solo ou aventuras!

 

 

Quando fazer a manutenção na suspensão

 

• Fazer manutenção preventiva, ainda é a melhor maneira de economizar, e não há um tempo exato, claro, que no caso de sentir as diferenças mencionadas acima, ou, fazer uso exagerado do veículo como carregar peso em excesso frequentemente, pode acelerar o desgaste dos componentes da suspensão;

• No caso de não perceber nada errado, a cada 30 mil quilômetros é o ideal para uma manutenção preventiva, exceto quando o carro for blindado que devido ao peso da carroceria tende a forçar mais a suspensão, nesse caso, seria a cada 20 mil quilômetros;

Estes são bons motivos de estar sempre atento para a importância da suspensão do carro em dia, pois, é responsável em manter o carro macio, aderente ao chão, sem solavancos, pancadas secas, ou barulhos, já que o sistema absorve qualquer impacto, além de manter a estabilidade do veículo!

 

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Pin It on Pinterest

Share This