Conheça as Grid Girls

A popularidade das Grid Girls há anos faz parte das corridas em quase todas as modalidades de automobilismo e motociclismo. São as garotas capas de revistas dentro de trajes chamativos e deslumbrantes que fazem a alegria dos pilotos, dos mecânicos e da galera em geral.

E são carinhosamente conhecidas como as gatas do grid, as pit girls, race queens, cada local, ou cada país, batiza com o nome que mais convier, e são elas que aparecem circulando pelo grid, pelo paddock antes e depois de cada corrida.

Sem dúvida é um dos mais atraentes e chamativos apelos que marcam presença em cada autódromo que comparecem, o engraçado é que tem gente que se contenta apenas em posar ao lado delas para uma foto, nem se preocupando que os ídolos verdadeiros são os pilotos.

As primeiras Grid Girls

A popularidade das Grid Girls teve início em 1969! Foi quando a modelo japonesa Rosa Ogawa, garota-propaganda da Cosmo Oil Co, apareceu usando um vestido esvoaçante, capacete, óculos e luvas de pilotagem, isso, porque a empresa estava divulgando a nova gasolina de alta octanagem, então, decidiu incluir a Rosa para ilustrar a campanha. Cá entre nós, foi uma ótima pedida.

E mesmo que a modelo apareceu somente por breves instantes ao lado dos carros patrocinados pela marca, foi o início de uma nova carreira para as garotas, assim, nasceram as Grid Girls.

As mulheres sempre tiveram presentes nos grids e paddocks da F1, só pelo motivo de serem as esposas ou namoradas dos pilotos, ou até parentes de funcionários de equipes ou do autódromo.

E como a cena de Rosa Ogawa foi muito marcante para os patrocinadores, no ano seguinte, em 1970, os bronzeadores Hawaiian Tropic decidiram divulgar o produto colocando belas garotas de biquíni no grid, antes do início das corridas de Le Mans, e depois, em 1983 nas 8 Horas de Suzuka para motos.

A evolução das Grid Girls

Rapidamente os patrocinadores perceberam que seria um dos melhores meios para atrair a atenção do público em geral, e acabou se tornando uma tradição a popularidade das Grid Girls em várias categorias do automobilismo, e claro, sempre com roupas ousadas.

Com o passar dos anos as Grid Girls ganharam tarefas simples como segurar as sombrinhas para os pilotos, as placas de formação do grid, fazer apresentação dos pilotos, posar para fotos com os vencedores, ao lado dos carros, orientar os vencedores no backstage do pódio e até entregar os prêmios.

Toda a produção das Grid Girls envolvem maquiagens pesadas, roupas extravagantes e coladas ao corpo, tudo para transbordar a sensualidade que o público masculino adora ver, e claro, isso, sempre foi alvo de muitas críticas.

 

No japão, as Racing Queens

Tanto que em alguns países mais conservadores, o trabalho das Grid Girls não é bem-vindo, devido a exposição exagerada do corpo feminino, felizmente não é o caso do no Japão, onde tudo começou, elas recebem status de ídolos entre as garotas, por isso, recebem o apelido de racing queens.

Gostou da matéria sobre Grid Girls?!

Acesse o site GRID GIRLS e veja mais informações sobre as garotas que anima as pistas de corridas e outros esportes

Publicações Recentes

João Quer Aprender

Titulo O painel perfurado, disponível em alguns modelos, garante praticidade e conforto, onde todos os itens podem ser pendur alinhadores Texto titulo Para você que precisa organizar o seu ambiente de trabalho para ganhar espaço e aumentar a produtividade, nós podemos...

ler mais

Carro Elétrico

  0800 642 2327   FIXO (47) 3522-3274    (47) 98872-0320   (47) 99978-1266 Nota Imagens meramente ilustrativas. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página. Ligue Grátis ...

ler mais

Como é o novo carro de segurança do MotoGP

A BMW M, a divisão de modelos de alto desempenho do BMW Group. Acaba de revelar o BMW M5 MotoGP Safety Car, o carro de segurança oficial para a próxima temporada do MotoGP.  O novo Safety Car, que é baseado no sedã BMW M5, fez sua primeira aparição pública...

ler mais

Who are the Grid Girls, the powerful ones of the race tracks

Meet the Grid Girls

The popularity of the Grid Girls for years is part of the races in almost all modes of motoring and motorcycling. The girls are magazine covers in flashy and dazzling costumes that make the pilots, mechanics and galley in general a joy.

And they are affectionately known as the girls on the grid, pit girls, race queens, each place, or each country, baptize with the name that suits them, and they are appearing around the grid, the paddock before and after each race.

Undoubtedly it is one of the most attractive and attractive appeals that are present in each race track they attend, the funny thing is that there are people who are content just to pose beside them for a photo, not worrying that the real idols are the drivers.

The First Grid Girls

The popularity of the Grid Girls began in 1969! That’s when the Japanese model Rosa Ogawa, the advertising girl for Cosmo Oil Co, showed up wearing a fluttering dress, helmet, glasses and riding gloves, because the company was releasing the new high-octane gasoline, so decided to include Rosa to illustrate the campaign. Between us, it was a great request.

And even though the model only appeared briefly alongside the brand-sponsored cars, it was the beginning of a new career for the girls, so the Grid Girls were born.

Women have always been present in F1 grids and paddocks just because they are the wives or girlfriends of the riders, or even the relatives of team officials or the race track.

And since Rosa Ogawa’s scene was very striking to the sponsors, the following year, in 1970, the Hawaiian Tropic sunscreens decided to advertise the product by putting beautiful bikini girls on the grid before the start of the Le Mans races, and then in 1983 in the 8 Hours of Suzuka for motorcycles.

The evolution of the Grid Girls

Soon the sponsors realized that it would be one of the best means to attract the attention of the general public, and it became a tradition the popularity of the Grid Girls in several categories of motorsport, and of course, always with daring clothes.

Over the years, the Grid Girls have been given simple tasks such as holding umbrellas for pilots, grid training boards, presenting drivers, posing for photos with the winners, alongside the cars, guiding the winners on the backstage of the podium and even deliver the prizes.

The entire production of the Grid Girls involves heavy makeup, extravagant clothes and glued to the body, all to overflow the sensuality that the male audience loves to see, and of course, this has always been the subject of much criticism.

In Japan, Racing Queens

So much so that in some more conservative countries, the work of the Grid Girls is not welcome, due to over-exposure of the female body, fortunately not the case in Japan, where it all started, they receive idol status among girls, for they get the nickname of racing queens.

Did you like the story about Grid Girls ?!

Visit the GRID GIRLS website and see more information about girls who animate racetracks and other sports

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Conheça as Grid Girls

A popularidade das Grid Girls há anos faz parte das corridas em quase todas as modalidades de automobilismo e motociclismo. São as garotas capas de revistas dentro de trajes chamativos e deslumbrantes que fazem a alegria dos pilotos, dos mecânicos e da galera em geral.

E são carinhosamente conhecidas como as gatas do grid, as pit girls, race queens, cada local, ou cada país, batiza com o nome que mais convier, e são elas que aparecem circulando pelo grid, pelo paddock antes e depois de cada corrida.

Sem dúvida é um dos mais atraentes e chamativos apelos que marcam presença em cada autódromo que comparecem, o engraçado é que tem gente que se contenta apenas em posar ao lado delas para uma foto, nem se preocupando que os ídolos verdadeiros são os pilotos.

As primeiras Grid Girls

A popularidade das Grid Girls teve início em 1969! Foi quando a modelo japonesa Rosa Ogawa, garota-propaganda da Cosmo Oil Co, apareceu usando um vestido esvoaçante, capacete, óculos e luvas de pilotagem, isso, porque a empresa estava divulgando a nova gasolina de alta octanagem, então, decidiu incluir a Rosa para ilustrar a campanha. Cá entre nós, foi uma ótima pedida.

E mesmo que a modelo apareceu somente por breves instantes ao lado dos carros patrocinados pela marca, foi o início de uma nova carreira para as garotas, assim, nasceram as Grid Girls.

As mulheres sempre tiveram presentes nos grids e paddocks da F1, só pelo motivo de serem as esposas ou namoradas dos pilotos, ou até parentes de funcionários de equipes ou do autódromo.

E como a cena de Rosa Ogawa foi muito marcante para os patrocinadores, no ano seguinte, em 1970, os bronzeadores Hawaiian Tropic decidiram divulgar o produto colocando belas garotas de biquíni no grid, antes do início das corridas de Le Mans, e depois, em 1983 nas 8 Horas de Suzuka para motos.

A evolução das Grid Girls

Rapidamente os patrocinadores perceberam que seria um dos melhores meios para atrair a atenção do público em geral, e acabou se tornando uma tradição a popularidade das Grid Girls em várias categorias do automobilismo, e claro, sempre com roupas ousadas.

Com o passar dos anos as Grid Girls ganharam tarefas simples como segurar as sombrinhas para os pilotos, as placas de formação do grid, fazer apresentação dos pilotos, posar para fotos com os vencedores, ao lado dos carros, orientar os vencedores no backstage do pódio e até entregar os prêmios.

Toda a produção das Grid Girls envolvem maquiagens pesadas, roupas extravagantes e coladas ao corpo, tudo para transbordar a sensualidade que o público masculino adora ver, e claro, isso, sempre foi alvo de muitas críticas.

 

No japão, as Racing Queens

Tanto que em alguns países mais conservadores, o trabalho das Grid Girls não é bem-vindo, devido a exposição exagerada do corpo feminino, felizmente não é o caso do no Japão, onde tudo começou, elas recebem status de ídolos entre as garotas, por isso, recebem o apelido de racing queens.

Gostou da matéria sobre Grid Girls?!

Acesse o site GRID GIRLS e veja mais informações sobre as garotas que anima as pistas de corridas e outros esportes

Publicações Recentes

João Quer Aprender

Titulo O painel perfurado, disponível em alguns modelos, garante praticidade e conforto, onde todos os itens podem ser pendur alinhadores Texto titulo Para você que precisa organizar o seu ambiente de trabalho para ganhar espaço e aumentar a produtividade, nós podemos...

ler mais

Carro Elétrico

  0800 642 2327   FIXO (47) 3522-3274    (47) 98872-0320   (47) 99978-1266 Nota Imagens meramente ilustrativas. Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página. Ligue Grátis ...

ler mais

Como é o novo carro de segurança do MotoGP

A BMW M, a divisão de modelos de alto desempenho do BMW Group. Acaba de revelar o BMW M5 MotoGP Safety Car, o carro de segurança oficial para a próxima temporada do MotoGP.  O novo Safety Car, que é baseado no sedã BMW M5, fez sua primeira aparição pública...

ler mais

Como montar sua oficina de moto.

Dicas para montar oficina de motos De olho no negócio próprio? Seria no ramo de motocicletas? Então as dicas para montar oficina de motos é para você! Os primeiros passos para mudar de vida são informados neste artigo, um serviço propício a ter bons lucros visto a...

ler mais

Who are the Grid Girls, the powerful ones of the race tracks

Meet the Grid Girls

The popularity of the Grid Girls for years is part of the races in almost all modes of motoring and motorcycling. The girls are magazine covers in flashy and dazzling costumes that make the pilots, mechanics and galley in general a joy.

And they are affectionately known as the girls on the grid, pit girls, race queens, each place, or each country, baptize with the name that suits them, and they are appearing around the grid, the paddock before and after each race.

Undoubtedly it is one of the most attractive and attractive appeals that are present in each race track they attend, the funny thing is that there are people who are content just to pose beside them for a photo, not worrying that the real idols are the drivers.

The First Grid Girls

The popularity of the Grid Girls began in 1969! That’s when the Japanese model Rosa Ogawa, the advertising girl for Cosmo Oil Co, showed up wearing a fluttering dress, helmet, glasses and riding gloves, because the company was releasing the new high-octane gasoline, so decided to include Rosa to illustrate the campaign. Between us, it was a great request.

And even though the model only appeared briefly alongside the brand-sponsored cars, it was the beginning of a new career for the girls, so the Grid Girls were born.

Women have always been present in F1 grids and paddocks just because they are the wives or girlfriends of the riders, or even the relatives of team officials or the race track.

And since Rosa Ogawa’s scene was very striking to the sponsors, the following year, in 1970, the Hawaiian Tropic sunscreens decided to advertise the product by putting beautiful bikini girls on the grid before the start of the Le Mans races, and then in 1983 in the 8 Hours of Suzuka for motorcycles.

The evolution of the Grid Girls

Soon the sponsors realized that it would be one of the best means to attract the attention of the general public, and it became a tradition the popularity of the Grid Girls in several categories of motorsport, and of course, always with daring clothes.

Over the years, the Grid Girls have been given simple tasks such as holding umbrellas for pilots, grid training boards, presenting drivers, posing for photos with the winners, alongside the cars, guiding the winners on the backstage of the podium and even deliver the prizes.

The entire production of the Grid Girls involves heavy makeup, extravagant clothes and glued to the body, all to overflow the sensuality that the male audience loves to see, and of course, this has always been the subject of much criticism.

In Japan, Racing Queens

So much so that in some more conservative countries, the work of the Grid Girls is not welcome, due to over-exposure of the female body, fortunately not the case in Japan, where it all started, they receive idol status among girls, for they get the nickname of racing queens.

Did you like the story about Grid Girls ?!

Visit the GRID GIRLS website and see more information about girls who animate racetracks and other sports

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Share This