Sabe aquele barulhinho irritante que ouve na suspensão do carro e, mesmo assim, o mecânico afirma que tudo está em ordem? Muitas vezes pode passar despercebido mesmo aos olhares atentos do profissional, pois, quando o barulho no carro continua, depois de uma checagem feita na suspensão, pode ser a bieleta! Uma peça fixada na barra estabilizadora que transmite movimentos para a suspensão, garantindo melhor dirigibilidade, estabilidade e silêncio no veículo!

Vale esclarecer que a bieleta nada tem a ver com a biela, pois, enquanto a bieleta trabalha na suspensão do veículo, a biela é uma peça encontrada no interior do motor.

Entenda melhor sobre a bieleta

Bieleta é uma haste articulável localizada na suspensão ligada diretamente a barra estabilizadora através de pinos ou buchas. Através dessa ligação a peça faz a transferência da força dinâmica nas curvas mantendo a estabilidade do veículo;

Outra função da bieleta é atuar durante as inclinações do veículo, momento em que acontece o mesmo processo de transferência de força. Uma das principais características é aumentar a segurança no atrito do pneu com o solo.;

Somente para ficar mais claro, a bieleta junto com a barra estabilizadora permitem que as rodas girem de forma simultânea ao trabalho da suspensão. Sendo assim, essa peça é de suma importância, já que intervém no conforto e segurança do veículo, razão que não pode estar com defeito!

Importância da bieleta

Ter no veículo uma bieleta gasta ou folgada, significa que acima de tudo, o carro além de estar apresentando barulhos na parte da frente, ainda, está com a segurança reduzida para os ocupantes. E acredite, o barulho é tão forte que parece que os amortecedores acabaram repentinamente!

A sensação é igual a dirigir com o porta-malas lotado de peças, ou materiais soltos que pulam, rolam e batem uns nos outros. Contudo, esse irritante barulho pode ser ainda mais alto devido as precariedades das estradas de rodagem!

Defeitos da bieleta e soluções

Em alguns trechos urbanos onde o asfalto é um tapete, o barulho no carro talvez, seja mais leve;

No entanto, quando trafega por ruas de asfalto mais duro ou terra, se ouvir o tal barulho incômodo, os defeitos podem ser desde falta de lubrificação da peça, até obstrução por lama, areia. Na verdade, a durabilidade da bieleta depende muito do tipo de estrada que costuma trafegar;

Uma prática necessária para evitar a obstrução da bieleta, assim, como de outras peças da suspensão, é ter o hábito de jogar água limpa com mangueira por debaixo do carro ao chegar em casa para retirar impurezas como lama e areia, que depois de secas endurecem!

Por que a segurança do carro depende da bieleta

O barulho que uma bieleta defeituosa faz não se compara, ao tamanho do estrago que pode causar quando se rompe!

Aliás, uma possível ruptura da bieleta pode perfurar os pneus a qualquer momento e, quando o veículo se encontra em alta velocidade, o acidente pode ser fatal!

É interessante frisar que em alguns casos a bieleta mesmo que se rompa, pode não perfurar o pneu, mas, o motorista percebe algo muito estranho acontecendo enquanto dirige;

É porque ocorre uma inclinação maior da carroceria nas curvas ocasionando instabilidade enquanto dirige, que convenhamos também pode ser fatal!

O que deve ser checado na bieleta pelo mecânico

Como é uma haste flexível que opera no sistema da suspensão, não pode estar com folga nem ressecada para não apresentar ruídos e cumprir seu principal objetivo, que é a segurança dos ocupantes;

Deve estar sempre bem ajustada para ter força na movimentação. Por isso, fique ligado quando o barulho no carro continua, mesmo que tenha passado por um checkup no Centro Automotivo. Pode ter enganado o mecânico que acreditou que o barulho era de outra peça a qual foi trocada;

Nessas horas, é importante a oficina ou Centro Automotivo ter um RUIDCAR, pois, bastaria colocar o veículo sobre o equipamento, ligar e ouvir se o barulho no carro continua. Portanto, caso sua oficina ainda não tenha esse equipamento, é só entrar no site www.2e4Rodas.com.br e solicitar orçamento. Se preferir, é só clicar aqui, 2e4 Rodas

Levar o veículo para manutenção preventiva ainda, é a melhor maneira de economizar nas peças, isso porque, caso o defeito na bieleta esteja apenas no início pode ser trocada somente a peça defeituosa, sem mexer nas demais!

Nota

Imagens meramente ilustrativas.

Atenção! Importante a leitura da Nota de Esclarecimento presente ao final da página.

Pin It on Pinterest

Share This